Foto_perfil

Samanta Luchini

Desenvolvimento Humano

Mestre em Administração com Foco em Gestão e Inovação Organizacional, Especialista em Gestão de Pessoas pela Universidade Municipal de São Caetano do Sul – USCS e em Neurociência pela Unifesp.
Psicóloga pela Universidade Metodista de São Paulo.
Executive & Life Coach em nível Sênior, com formação internacional pelo ICI (Integrated Coaching Institute) em curso credenciado pela ICF (International Coach Federation).
Professora convidada dos programas de pós-graduação da FGV/Strong, Universidade Metodista e Senac, dos programas de MBA da Universidade São Marcos e Unimonte, e dos cursos FGV/Cademp, para a área de Gestão de Pessoas.
Professora conteudista do Centro Universitário da Fundação de Ensino Octávio Bastos – UNIFEOB.
Formadora de consultores e treinadores comportamentais.
Atua há mais de 23 anos com Gestão de Pessoas em diversas empresas e segmentos, dentre elas Wickbold, Bridgestone, Bombril, Solar Coca-Cola, Porto Seguro, Grupo M. Dias Branco, Prensas Schuler, Arteb, Grupo Mardel, Tegma, Pertech, Sherwin-Williams, Grupo Sigla, Unilever, Engecorps, Nitro Química, Grupo Byogene, Netfarma, NTN do Brasil, TW Espumas, Ambev, Takeda, Pöyry Tecnologia,
Neogrid, Scania, Kemp, Ceva Saúde Animal, Embalagens Flexíveis Diadema, Sem Parar, CMOC, Camil e Toyota.
Em sua trajetória profissional e acadêmica, já desenvolveu mais de 27.000 pessoas, com uma média de avaliação superior a nota 9,0 em todos seus treinamentos.
Palestrante, consultora de empresas e autora de diversos artigos acadêmicos publicados em congressos e revistas.
Colunista da revista Manufatura em Foco – www.manufaturaemfoco.com.br


44 artigos publicados
Membro desde 14/06/2017


Artigos

  1. Thumb_exemplo__1_

    Exemplo: Sem ele não rola, mas só ele não basta

    Para algumas pessoas, é possível que apenas um exemplo seja suficiente para gerar consciência e aprendizagem. Mas para a grande maioria, os exemplos não bastam se não houver um processo educativo.

  2. Thumb_cognitivo__1_

    O ano novo pede uma mente “total flex”

    A flexibilidade cognitiva é a capacidade do cérebro de passar de um conceito para outro de maneira rápida e sem muito desgaste energético.

  3. Thumb_lista

    As pequenas-grandes vitórias de 2020

    As pequenas vitórias diárias fazem toda diferença na forma como nos sentimos e em como atuamos, melhoram nossa produtividade, impulsionam nossa capacidade de criativa e alimentam nossa motivação.

  4. Thumb_pensamento

    Pensamento Crítico: você pensa sobre a sua forma de pensar?

    O pensamento crítico consiste em analisar e avaliar a consistência do próprio raciocínio, em especial as afirmações que nos são apresentadas como verdadeiras.

  5. Thumb_alvo

    Ajustar o foco é a chave para os seus resultados

    Foco não é apenas a capacidade de manter a atenção numa tarefa. Trata-se também da capacidade de gerenciar as distrações e dizer não àquilo que não se relaciona com a sua prioridade.

  6. Thumb_comunica__o

    É preciso saber pedir

    Saber pedir é tão importante quanto ser atendido. Quando fazemos um pedido de forma generalizada, reduzimos consideravelmente as chances do outro nos atender.

  7. Thumb_home_office700450

    A etiqueta do trabalho on-line

    Saber administrar os desafios inerentes ao trabalho remoto ele pode ser uma grande vantagem para seus resultados e sua imagem. Seu comportamento é um grande diferencial em qualquer ambiente.

  8. Thumb_emo__es

    Qual é o ganho escondido numa emoção desconfortável?

    Toda emoção desconfortável traz em si uma grande oportunidade de crescimento. Mas só encontra esse ganho quem está disposto a atravessá-la.

  9. Thumb_zona-conforto

    Repense sua ideia sobre zona de conforto

    A famosa zona de conforto reúne tudo aquilo que a gente sabe fazer bem, com domínio, com familiaridade, sem esforço, de forma literalmente confortável. Por isso ela também poder ser reconhecida como a nossa zona de excelência e maestria.

  10. Liderança em momentos de crise e incerteza

    Assumir uma nova posição como líder e adotar comportamentos efetivos pode trazer o apoio de que tanto as pessoas precisam num momento de crise e incerteza.

  11. Em momentos de adversidade, dê à sua mente o que ela precisa

    Ajudar a mente a trabalhar a nosso seu favor é a chave para obter resultados positivos, aumentar o nível de resiliência e sair mais forte das adversidades. Isso inclui a adoção de novos padrões mentais e a capacidade de adaptar nossos comportamentos a eles.

  12. Sou bom o bastante? Cuidado com a Síndrome do Impostor

    A Síndrome do Impostor se estabelece quando a pessoa não consegue reconhecer, validar e internalizar os frutos da sua própria capacidade, quando se valoriza mais a sorte do que o próprio esforço. É um padrão de comportamento que nos aprisiona numa mentalidade de cobrança excessiva e que traz um constante sentimento de inadequação e ansiedade.

  13. O desafio de ser autêntico

    Ser autêntico é algo que dá bastante trabalho. Significa travar uma batalha diária para manter vigentes seus princípios, crenças e valores mais importantes. Independente do ambiente, da situação, de quem está ao seu redor, dos ganhos ou das perdas.

  14. Retoque Seu Verniz

    O comportamento é como uma camada de verniz, que tem a função de proteger nossos conhecimentos e competências, garantir a qualidade e a sustentabilidade dos nossos resultados e trazer um refinamento da nossa imagem e reputação. Por isso, de tempos em tempos, ele precisa de cuidados e retoques.

  15. Para-brisa e Retrovisor: Uma reflexão sobre feedback e feedfoward

    Olhar para o passado nos traz o aprendizado e a consciência necessária para o processo de mudança. Olhar para o futuro, nos traz a motivação e o engajamento na escolha das ações mais assertivas. Por isso, é imprescindível trabalhar com feedback e com feedfoward.

  16. Pense um minuto: é emoção ou sentimento?

    Não há dúvida de que emoções e sentimentos desempenham um importante papel no nosso comportamento social, na formação dos nossos julgamentos e na elaboração de nossas decisões. Mas será que emoção e sentimento são a mesma coisa? O que você acha? Que termo você costuma utilizar quando fala sobre si mesmo?

  17. Errar é humano. Ainda bem!

    Os erros fazem parte da existência humana e podem trazer valiosas oportunidades de aprendizado e desenvolvimento, desde que sejam reconhecidos e recebam a tratativa adequada.

  18. FOMO ou JOMO: Qual a sua relação com o mundo digital?

    É cada vez maior o tempo que as pessoas se mantem conectadas e cada vez mais preocupante o tipo de relação que elas estabelecem com seus smartphones. Problemas que nunca tínhamos enfrentado começam a aparecer devido à uma mentalidade de que é preciso participar de tudo o que acontece nas redes, pois o dilúvio informacional que vivemos hoje pode nos impedir de ver aquilo que é óbvio ou importante. Já uma mentalidade mais equilibrada entre estar on-line e estar off-line pode nos levar a uma vida mais leve, mais satisfatória e mais real.

  19. Essencial, Importante ou Interessante?

    Ter clareza sobre o que é essencial, importante e interessante pode abrir caminhos para uma experiência de maior produtividade, organização e um melhor uso do seu tempo.

  20. Aprendizagem: Uma vida dinâmica pede sistemas dinâmicos

    Foi-se o tempo em que a aprendizagem se dava apenas pela recepção de um “pacote-padrão” de conteúdo, visto como importante ou imprescindível para a execução de alguma tarefa. As pessoas aprendem mais quando participam ativamente do processo de aprendizagem e quando o conteúdo é formulado levando-se em consideração quem vai aprender, o que precisa ser aprendido e em que ambiente as novas habilidades precisarão ser executadas.

  21. Qual é o seu tipo de foco?

    Todos nós temos dois tipos de foco. O foco proativo, que faz com que concentremos nosso tempo e energia nas situações que podemos alterar ou influenciar de alguma forma. E o foco reativo, que coloca nosso tempo e energia em favor das situações que não podemos controlar, gerando apenas preocupação. O tipo de foco é o que diferencia as pessoas proativas e empoderadas das pessoas reativas e reclamonas.

  22. Proteja-se da Procrastinação

    À primeira vista, a procrastinação parece ser vantajosa, pois ela evita que você esteja diante de tarefas chatas, longas, difíceis ou desagradáveis. Mas, logo em seguida ela mostra sua verdadeira face e essa falsa sensação de alívio pode se transformar em ansiedade, arrependimento e incapacidade.

  23. Neuroplasticidade: A Ginástica Cerebral

    O cérebro humano é um órgão dinâmico e adaptativo. Quando aprendemos coisas novas, as conexões cerebrais se multiplicam e ficam mais fortes. Isso significa que que quanto mais usamos nosso cérebro, mais ele se fortalece e se desenvolve.

  24. As competências são como músculos

    Nossos músculos mantem nosso corpo de pé para que possamos viver. E nossas competências nos mantem de pé para enfrenarmos os diversos desafios do dia-a-dia. Se é possível treinar os músculos para que eles fiquem mais fortes, a mesma regra se aplica às nossas competências.

  25. O Seu Mindset é Fixo ou de Crescimento?

    Nosso modelo de pensamento pode nos conduzir a acontecimentos favoráveis ou não. A opinião que adotamos de nós mesmos afeta profundamente a forma pela qual levamos nossa vida e atingimos nossos resultados. Substituir o mindset fixo pelo mindset de crescimento é uma excelente estratégia para lidar melhor com os desafios da vida cotidiana e atingir nossos objetivos.

  26. Em 2019 faça o seu bem-estar

    Para atingir ou oferecer o melhor, é preciso estar no seu melhor. Atingir um nível mais elevado de bem-estar é uma estratégia mais que assertiva para que se possa atingir objetivos e experimentar uma vida de mais plenitude e fluidez. Para tanto o conceito de autocuidado extremo e a prática diária de exercícios específicos pode fazer toda a diferença.

  27. As Capacidades Humanas

    O ser humano é dotado de 3 tipos de capacidades: as capacidades requisitadas, as capacidades existentes e as capacidades acessadas. E é esse conjunto de capacidades, bem como a interação entre elas, que nos garante uma atuação assertiva, especialmente nos momentos de adversidade.

  28. Thumb_mundo_vuca

    Liderar no Mundo VUCA

    O mundo de hoje é marcado por transformações cada vez mais velozes e desafiadoras. Ele traz em si as dimensões da volatilidade, incerteza, complexidade e ambiguidade, que exigem de nós uma adaptação de nossas convicções e competências. Liderar as pessoas efetivamente nesse contexto é um grande diferencial.

  29. Thumb_encorajar_-_wikihow

    Encorajar é trabalho para líderes

    A tarefa de encorajar as pessoas também faz parte as atribuições do líder, especialmente no ambiente turbulento, instável e incerto em que vivemos hoje. Por isso é fundamental encontrar estratégias que sejam efetivas para o atingimento desse objetivo.

  30. Thumb_sigmund_freud_qual_a_sua_responsabilidade_na_desordem_d_lqylvye

    Não dê espaço à vitimização

    Fazer papel de vítima é uma estratégia frequentemente utilizada pelas pessoas que acreditam nunca terem a condição suficiente para desempenhar seus papéis e que sentem-se constantemente desfavorecidas pelos acontecimentos do cotidiano. A vítima precisa reclamar, se lamentar e encontrar culpados para justificar sua falta de ação e seus próprios fracassos. O processo de vitimização uma espécie de autossabotagem, que pode afastar as pessoas do nosso convívio.