1. Thumb_brasil-vale-20190130-021-copy

    Vale pode investir em ferro com baixas emissões para siderurgia se preço do gás cair

  2. Thumb_gigantes_mundiais_vao_investir_no_brasil

    Gigantes mundiais vão investir R$ 800 bilhões no Brasil; veja 22 grandes investimentos

  3. Thumb_nova-logo-vale_thumb41

    Vale investirá 11 bilhões de reais em processamento a seco de minério de ferro nos próximos cinco anos

  4. Thumb_vale

    Vale vai investir US$ 2,5 bi para ampliar tecnologia que dispensa barragens

  5. Thumb_mineracao-vale-nova-caledonia-20101029-01-original

    Vale vai investir R$ 6 bilhões em obras que vão gerar seis mil empregos em 2019

  6. Thumb_oceanica_e_vale

    Oceânica e Vale fecham um dos maiores contratos de sinalização náutica do Brasil

  7. Thumb_ferrovia-e1530641154954

    Vale se vê no meio de briga entre Estados

    A Vale aceitou construir a Ferrovia de Integração do Centro-Oeste (Fico), entre Campinorte (GO) e Água Boa (MT), ao custo de R$ 4 bilhões

  8. Como o Brasil está preparado para a Indústria 4.0?

  9. Thumb_vale_-_divulga__o_300x200

    Vale prevê reduzir investimentos em 2018 para US$3,8 bi

  10. Thumb_min_rio_de_ferro_-_onu_b_wolff_250x150

    Reservas de minério de ferro da Vale crescem 5,6% em 2016

  11. Thumb_vale

    Vale vê substituição mais lenta de mineradoras menores

    Se o preço permanecer por volta de US$ 50 a tonelada deve haver desaceleração

  12. Thumb_vale

    Vale não chega a acordo com Hydro para vender 40% da Mineração Rio do Norte

    Companhias não concordaram com termos comerciais

  13. Thumb_vale_250x150

    Oferta de minério de ferro da Vale sobe 4,3% em 2015 e fica acima da meta

  14. Thumb_vale_-_divulga__o_-_250x150

    Moody's corta nota da Vale e mineradora pode perder grau de investimento

    Com anúncio da agência, nota fica um nível acima do grau especulativo e pode sofrer novo rebaixamento.

  15. Thumb_itabiritos_vale_minasgerais_250x150

    Vale investe em minas eficientes

    Produção cresce em São Gonçalo do Rio Abaixo e Itabira para compensar preço baixo e prejuízo de R$ 6,7 bi em 2015.