Características das operações de fresamento

Existem três tipos de fresadoras - vertical, horizontal e universal. Cada uma delas é responsável por diferentes operações

Já foi discutido em outras matérias a importância do fresamento (Fresamento e suas finalidades e Remoção de metal pelo processo de fresamento), seus parâmetros e as forças de corte. Uma das mais importantes operações de usinagem, pode ser realizada com três diferentes máquinas: fresadora horizontal, vertical ou universal.

Cada uma das máquinas é responsável por processos específicos - exceto a a universal que é capaz de realizar os processos das outras duas de acordo com a ferramenta usada.

FresadoraOperações com fresadora Vertical
Abaixo estão alguns exemplos de operações de usinagem que se pode executar com a fresadora vertical:

   1. Fresamento frontal
No fresamento frontal a superfície fresada é plana e, pela sua alta produtividade, deve ser preferido sempre que possível. Podemos utilizar várias ferramentas para esse tipo de operação, como as fresas de topo e as cilídrico-frontais.

 
  2. Fresamento de cantos a 90°
No fresamento de canto a 90° também podemos utilizar a fresadora vertical. Normalmente utilizada uma fresa de topo de haste cilíndrica.

   3. Fresamento de ranhuras em T
Para realizar esse tipo de operação, primeiro é preciso abrir o canal da ranhura com um fresa de topo, para depois executarmos a forma T com uma fresa de haste para ranhura T.

   4. Fresamento de guias em forma de cauda de andorinha
Realizada com uma fresa frontal angular, a abertura de guias em forma de cauda de andorinha podem ter ângulos de 45°, 50°, 55°, e 60°.

   5. Fresamento de canais
A operação é feita com fresas de topo (tanto fresas com haste cilíndrica quanto com haste cônica).

   6. Faceamento
O faceamento é utilizado para desbaste e rebaixos, gerando superfícies planas perpendiculares ao eixo da ferramenta, quando usada este tipo de fresadora.

Operações com fresadora vertical

Operações com fresadora horizontal
Abaixo estão 8 exemplos de operações realizadas em uma fresadora horizontal:

   1. Fresamento de formas complexas
As fresas compostas sao usadas no fresamento de formas complexas, associando varias fresas de forma mais simples. Também são conhecidas como de trens de fresas.

   2. Fresamento periférico ou tangencial
As fresas cilíndricas só cortam na periferia cilíndrica, gerando superfícies planas, paralelas ao eixo da ferramenta. Há três tipos principais: N (normal), H (materiais duros), e W (materiais moles).

   3. Fresamento de ranhuras e contornos
Para realizar este tipo de fresamento são usada fresas cilíndrico-frontais. Essa ferrameta gera uma superfície plana, resultante da ação combinada dos gumes da periferia e da face frontal da fresa.

   4. Fresamento de ranhuras (chavetas) Woodruff
As fresas com haste para ranhuras Woodruff possuem a haste cilíndrica, utilizadas para abrir ranhuras para chavetas do tipo Woodruff.

   5. Fresamento de guias prismáticas
Usadas na abertura de guias prismaticas para maquinas, são padronizados os ângulos de 45°, 60° e 90°.

   6. Fresamento de ranhuras com perfil constante
As fresas detalonadas são utilizadas na usinagem de formas complexas. podem ser inteiriças (quando a fresa já tem a forma do perfil a ser produzido) ou o perfil a fresar pode ser obtido pela justaposição de várias fresas (trem de fresas), formando assim o perfil desejado.

   7. Fresamento de canais
As fresas de disco, por serem de diversas formas e tamanhos, além da possibilidade de poderem ser montadas como um trem de fresas, são aplicadas nas mais variadas operações de fresamento.

   8. Fresamento de roscas
As fresas de mandril, para roscas, são ferramentas aplicadas neste tipo de abertura em parafusos e porcas.

Operações com fresadora horizontal

Tópicos:



Comentários