ZF alcança 100% de reúso de paletes em fábricas de São Paulo

Projeto nas unidades de Itu e Sorocaba já reaproveitou cerca de 300 toneladas de madeira


Continua depois da publicidade


As fábricas da ZF em Itu e Sorocaba, ambas em São Paulo, alcançaram 100% de reúso de paletes nos últimos dois anos, desde que o projeto ambiental de reutilização foi implantado nas unidades, o que equivale a quase 300 toneladas de madeira ou 12,8 mil paletes. Segundo a empresa, este total corresponde a preservação de 304 árvores.

A ideia de reúso do material, geralmente utilizado no transporte de cargas, surgiu entre os trabalhadores do chão de fábrica até ganhar amplitude e se tornar um grande projeto.

“A madeira é o segundo resíduo mais gerado nas unidades industriais da ZF no Brasil e a partir desta proposta um novo compromisso foi assumido pela empresa, que passou a beneficiar o meio ambiente graças à redução na geração de resíduos e à menor emissão de CO2 proveniente de operações logísticas, além de contribuir com a economia por meio da redução do consumo e correta destinação de materiais”, declara o engenheiro ambiental responsável pelo projeto, João Manoel Gambarra.

Segundo Gambarra, por meio do projeto, a empresa faz a reciclagem da massa da madeira dos paletes que serão inutilizados e o material resultante é reutilizado em outros processos internos. Ele conta que a iniciativa de economia de paletes trouxe a preservação de recursos naturais, além de reduzir a pegada de carbono na cadeia de produção e suprimento das fábricas de Itu e Sorocaba.


Continua depois da publicidade


“Alcançamos significativa melhora na qualidade das plataformas para o transporte de materiais, o que trouxe avanços para os processos logísticos, além de motivar as equipes envolvidas com os resultados, que conseguiram alcançar economia, preservação, além de melhor aspecto de organização interna às unidades industriais”, finaliza.

Tópicos:



Comentários