Empresa deve investir R$ 9,5 bilhões para instalar fábrica em MT; 1.200 empregos gerados

A instalação da Euca Energy, empresa que pretende instalar uma fábrica de celulose em Alto Araguaia (415 km ao Sul de Cuiabá, deve gerar cerca de 8 mil empregos diretos durante a fase de construção da obra. 

De acordo com Gilberto Goellner, CEO da Euca Energy, o empreendimento irá produzir celulose branqueada, e deverá gerar 1.200 empregos para a região. “Vamos produzir 2 milhões de toneladas por ano de celulose branqueada de eucalipto. O nosso investimento é na ordem de R$ 9,5 bilhões. Escolhemos a cidade de Alta Araguaia porque aqui encontramos o local ideal para a produção e acreditamos muito nessa região”, disse ele.

O governador Mauro Mendes participou da audiência pública de avaliação de impacto ambiental da implantação da fábrica de celulose, na noite desta sexta-feira (22). 

Segundo ele, o Estado precisa ser parceiro de empreendimentos que tragam emprego, renda e riquezas para a população de Mato Grosso, desde que sejam respeitados todos os ditames legais e as normativas exigidas pelos órgãos ambientais, como a Secretaria de Estado de Meio Ambiente.

“Este é hoje o maior empreendimento que se pretende licenciar, nesse momento, que está em curso em Mato Grosso. É o maior em implantação no Brasil. E um empreendimento dessa natureza tem que merecer de todos nós o apoio, a atenção e o cuidado para que as coisas aconteçam corretamente”, disse.


Continua depois da publicidade


“É necessário observar as leis para que esse empreendimento possa transcorrer e cumprir o seu rito, para que ao final, se for uma decisão técnica, que cumpra os requisitos legais, que ele possa obter a licença e dar os próximos passos nas obras e entrar em funcionamento”.

O deputado federal Juarez Costa, que também participou da audiência, ressaltou a importância do empreendimento. “Estamos falando de uma obra, de uma empresa que vai gerar 8 mil empregos diretos na construção. Precisamos trabalhar por essa região melhorando os serviços públicos. E é necessário que a população esteja preparada. É o momento de viver essa transformação".

O deputado estadual Ondanir Bortolini, o Nininho, também destacou que os Poderes precisam ser parceiros de iniciativas como essa, que agregam valor para a região e melhoram a qualidade de vida da população. 

De acordo com o prefeito Gilberto Melo, a cidade ansiava por uma iniciativa como essa, principalmente após a queda da arrecadação por conta da mudança no sistema ferroviário, com a extensão da linha até a cidade de Rondonópolis. “Mas, nós acreditávamos que era possível melhorar. E hoje temos um dos maiores empreendimento para ser construído na nossa cidade”, frisou.

Também participaram da audiência pública todos os prefeitos da região e os deputados Neri Geller e José Medeiros, além dos deputados estaduais Xuxu Dal Molin, Delegado Claudinei e Thiago Silva.




Comentários