Ford e Samsung desenvolvem sistema de bateria

Tecnologia é voltada para o uso de frenagem regenerativa em veículos.

A Ford e a Samsung SDI, subsidiária do Grupo Samsung, desenvolveram um sistema de bateria que se adequa ao uso da frenagem regenerativa em veículos não híbridos.

Imagem: Divulgação

O rendimento da pesquisa que levou dez anos foi a combinação de duas baterias: uma de íons de lítio e outra de chumbo-ácido, de 12 volts. O objetivo da “mistura” é a maior economia de combustível.

A frenagem regenerativa (que recupera a energia do processo para ser usada por outros componentes) utilizada nos veículos híbridos da Ford, permite que a bateria recupere até 95% da energia perdida no processo de frenagem.

Segundo a área de baterias automotivas da Samsung SDI, o propósito do estudo é substituir completamente as baterias tradicionais de chumbo-ácido de 12 volts em médio prazo.

Tópicos:



Comentários