Planair irá investir R$ 15 mi em fábrica no PR

Planair irá investir R$ 15 mi em fábrica no PR

A Planair planeja investir mais R$ 15 milhões na ampliação da unidade em Ponta Grossa (PR) para a fabricação do modelo Curiango, que está em fase de homologação pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), e de outros modelos. 

O Curiango é um avião agrícola 100% nacional e que pode ser usado no combate a incêndios. Já foram investidos cerca de R$ 26 milhões no projeto. Segundo o diretor da empresa, Paulo de Souza, a aeronave possui preço competitivo e já existem diversas intenções de compra. Um modelo está disponível para demonstração no aeroporto de Ponta Grossa.
 
O diretor se reuniu na semana passada com o secretário da Indústria, Comércio e Assuntos do Mercosul, Ricardo Barros, para discutir suporte ao projeto de construção de aeronaves no Paraná. Segundo Barros, o Executivo já enviou para a Assembleia Legislativa um projeto de lei propondo a criação de um programa chamado de Paranaéreo. 
 
A nova legislação especifica incentivos à cadeia produtiva aeronáutica, desde empresas de projeto, engenharia, manutenção, peças e montadoras de aviões civis e militares. O texto aguarda votação da redação final, o que deve ocorrer nesta semana. 
 
A Planair possui uma linha de produção no aeroporto Santana, em Ponta Grossa (PR), e busca apoio e incentivos do Governo do Estado. “Temos todo o interesse em incentivar a Planair e outras empresas do setor. São investimentos de alta tecnologia, que geram mão de obra qualificada e estimulam a inovação no Estado”, disse Barros. 
 
Tópicos:



Comentários