Starrett inaugura Centro de Treinamento em Serras

Na primeira fase, CTS será destinado para funcionários e clientes


Continua depois da publicidade


A Starrett, empresa com sede em Itu, interior de São Paulo, fabricante de ferramentas e instrumentos de medição, inaugurou ontem (16) o primeiro Centro de Treinamento em Serras da América Latina após investimento de R$ 1,5 milhão. “É a realização de um sonho, de um projeto que estava no papel há quase 20 anos”, conta o Supervisor de Produtos da Starrett, Felipe Teixeira.

 A princípio essa estrutura será destinada aos colaboradores, representantes comerciais, distribuidores e usuários finais, ou seja, empresas que utilizam as serras Starrett em seu processo produtivo. “O CTS permitirá que tanto funcionários quanto parceiros conheçam melhor nossos produtos, o que influenciará diretamente no atendimento aos clientes. Conseguiremos oferecer mais qualidade e eficiência no suporte prestado aos consumidores”, afirma o Diretor de Marketing da Starrett, Christian Arntsen.
 
Com 320 metros quadrados, o prédio é todo preparado para receber Portadores de Necessidades Especiais (PNE). O espaço é dividido em uma recepção; um auditório com capacidade para 38 alunos, onde serão promovidas as aulas teóricas e uma área com toda a linha de serras e máquinas da Starrett, onde serão realizadas as aulas práticas. O CTS dispõe de um Posto de Solda Modelo que serve para soldar as Serras de Fita na medida da máquina e uma área especial para treinamentos com discos de corte.
 
A Starrett trará alunos de escolas técnicas e cursos de engenharia para treinarem no CTS em um futuro próximo. Os cursos serão ministrados por profissionais da equipe técnica da própria Starrett. “Pretendemos montar um calendário anual com diferentes módulos, específicos para cada público. Trabalharemos com três focos de treinamento: comercial, técnico e operacional, divididos em dois níveis - básico e avançado”, explica Teixeira. 
Tópicos:



Comentários