Feira é momento de fazer aproximação com clientes

Fotos: CIMM

Mais que fechar negócios, expositores da FMU 2010 afirmam a importância de estar presente no evento para fortificar o relacionamento com os clientes. Com mais de 15 mil visitantes e um montante de R$ 250 milhões em negócios fechados e prospectados para o ano, o valor em dinheiro não é o único ganho das empresas.

Gabriel Diehl Fleig, representante da Ska, que comercializa softwares, lembra que "é muito difícil a Ska fechar negócio em feiras, mas é importante para encontrar os clientes e aproximar a relação. O objetivo não é a venda, mas conseguir bons contatos". No stand da empresa os visitantes podiam conhecer o jipe Stark, produzido em Joinville e que utilizou softwares da Ska na produção, e a impressora 3D pessoal, ainda lançamento no Brasil.

Amarildo Marques, da Almathi Comercial, que participou pela primeira vez da FMU, considera a experiência interessante para que a empresa consiga visibilidade e possa ser ainda mais conhecida. O principal produto exposto pela Almathi foi a centrífuga para limpeza de óleos.

Outro caso em que a feira serve para além de fechar negócios foi lembrado pelo supervisor de vendas da Deb'Maq, Edson Moraes. "A feira é a maior concentração de clientes ao mesmo tempo, não temos lançamento de produtos mas podemos divulgar nossos equipamentos" .

A próxima FMU - Feira de Ferramentaria, Modelação e Usinagem já está com data marcada para 20 a 23 de março de 2012, no pavilhão da Expoville, em Joinville. Mais de 80% dos expositores presentes na FMU 2010 já renovaram espaço para a 6ª edição do evento.

Tópicos:
  



Comentários