Indústria do plástico lida com alta demanda

Fotos: Divulgação

A demanda por produtos de plástico obriga a área de moldes a usar o alto padrão moderno para produção rápida e com menor custo. Além disso, o produto tem ganhado alternativas com compostos de fibras orgânicas.

Moldes
O livro Plástico - Moldes e Matrizes, de Sors, Bardocz e Radnoti, tem informações precisas com relação ao desenho do molde, também os cálculos de resistência, térmicos, elétricos e econômicos. Apresenta também as soluções mais práticas para cada problema, utilizando exemplos detalhados, métodos de projeção europeus e as unidades técnicas do sistema internacional.

Plástico Orgânico
A BASF desenvolveu o EcobrasTM, um polímero à base de milho. Versátil, o plástico pode ser aplicado em embalagens injetadas, filmes para a produção de tubetes para reflorestamento, sacolas plásticas, embalagens para cosméticos, entre outras alternativas.

Por ter em sua composição mais de 50% de matéria-prima de fonte renovável, o EcobrasTM ajuda a balancear o ciclo de carbono ao equilibrar o tempo de produção do plástico ao seu consumo e decomposição.

Já a Braskem vai produzir anualmente 200 mil toneladas de matéria-prima para a produção de plásticos a partir da cana-de-açúcar, em sua nova fábrica de Triunfo - RS. Chamado de plástico verde, o material tem origem 100% renovável e contribui para absorver mais gás carbônico da atmosfera do que emite ao longo do seu ciclo de vida.

Veja mais informações sobre o livro Plástico - Moldes e Matrizes no CIMM.


Tópicos:



Comentários