Indústrias gaúchas de usinagem se unem na Asisusi


Indústrias de usinagem da região de Caxias do Sul (RS) estão se unindo para somar competências. Hoje, 12 empresas - com 4 a 90 funcionários - já fazem parte da Asiusi-Associação Serrana das Indústrias de Usinagem, entidade sem fins lucrativos que visa fortalecer empresas de usinagem seriada e de precisão, mas que não fornecem o produto acabado.

“Consideramos moldes e matrizes um produto acabado , então não temos empresas que fazem este tipo de usinagem no nosso quadro de assiociados “, informa Aurelio Dal Zotto Boff, presidente da Asiusi.

De acordo com o executivo, a Asiusi foi criada faz três anos com o intuito de fortalecer as empresas do segmento instaladas na região da Serra Gaúcha, tendo Caxias como pólo central. “Mas hoje, temos uma empresa de Santa Cruz que, a rigor, não é da região”, explica.

De acordo com Boff, a Associação recebe apoios da Secretaria do Desenvolvimento e dos Assuntos Internacionais (Sedai), do Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico de Caxias do Sul (Simecs) e da Universidade de Caxias do Sul (UCS). O executivo explica os todos apoios são importantes, mas no caso de sua empresa, a Tercek foi muito beneficiada com pela UCS que ajufou na qualificação dos funcionários.

Boff explica que é prática entre as empresas que fazem parte da Associação indicar trabalhos que por algum motivo não podem realizar para outra associada, realizar troca de serviços entre as associadas, o que ajuda a dinamizar os negócios. Porém, os resultados ainda não são mensuráveis, pois 2008 foi um ano que “foi muito bom para todo mundo”. Já 2009, em razão da crise o mercado se mostra retraído.

De fato, dados do Simecs indicam que a atividade industrial dos segmentos automotivo, eletroeletrônico e metalmecânico de Caxias do Sul registrou queda de 15,49% no primeiro semestre de 2009 em comparação a igual período de 2008.

No mesmo período, as exportações tiveram desempenho negativo de 37,68% enquanto que as vendas de produtos também diminuíram em 11,50% para o mercado interno gaúcho. Para outros estados da federação a queda foi de 11,42%.
Tópicos:
  



Comentários