Meta da SKF é personalizar o atendimento

Com a tendência Solution Factory, a empresa se dispõe a pesquisar uma solução diferente para cada cliente

Foto: Divulgação

A SKF inaugurou no dia 2 de abril a Ixion Solution Factory, uma nova unidade de negócios que permitirá à companhia prover soluções industriais customizadas, de acordo com a necessidade de cada cliente, utilizando para isso todas as suas competências (rolamentos, vedações, sistemas de lubrificação, mecatrônica e serviços de engenharia) centralizadas em um único local, gerando ainda mais agilidade aos processos produtivos.

Da esquerda para a direita: Donizete Santos, presidente da SKF do Brasil, Carlos Alberto Fernandes, diretor da divisão de serviços,
Tom Johnstone, presidente mundial da companhia, Daniel Ferreira da Fonseca, prefeito de Cajamar, David Bischop - diretor para América Latina da SKF, e
Vartan Vartanian - presidente da divisão de serviços da SKF

 
Gilberto Sanchez Junior, coordenador do SKF Ixion Solution Factory, disse que até o fim do ano a empresa pretende inaugurar mais 15 unidades em diferentes lugares do mundo. “O Brasil está numa posição privilegiada por ter tido uma unidade inaugurada logo no começo do processo”, disse Gilberto.

A idéia de Solution Factory é algo que vem ganhando força na SKF mundial e a unidade brasileira é a quarta a ser inaugurada no mundo. As duas primeiras foram implementadas na China e mais uma na Europa, mais especificamente em Gotemburgo, na Suécia.  “Os clientes querem, cada vez mais, soluções completas. A SKF entende essa tendência e por isso vem investindo nesse segmento no mundo todo”, observa Carlos Alberto Fernandes, diretor da divisão de serviços industriais da SKF do Brasil.

A nova unidade também pode ser utilizada para pesquisa de problemas complexos em máquinas, equipamentos e processos produtivos. “O Solution Factory pode ser utilizado como laboratório na busca de soluções para problemas difíceis de serem detectados e corrigidos”, explica Carlos.

Gilberto acrescenta que a proximidade com o cliente vai ser muito maior e isso traz novas responsabilidades. “Quando você compra um produto de prateleira o contato com o cliente é distante, se ele comprou algo errado vai acabar usando de algum jeito. Agora nós discutiremos juntos a necessidade do cliente e a solução mais apropriada”, analisa Gilberto, ressaltando que a responsabilidade de sucesso das empresas que utilizam os serviços da SKF vai ser partilhada com a empresa. 

Além disso, novos serviços estarão disponíveis para os clientes, como a reforma de mancais e o reparo de cilindros hidráulicos com vazamento. Ambos permitem que os clientes utilizem um serviço mais barato e personalizado (portanto adaptado à necessidade específica de uso de cada um, que permite evitar o novo desgaste do produto) ao invés de comprarem novas peças. “É uma solução de reciclagem do material” resume Gilberto.

 Para trazer o novo conceito de Ixion Solution Factory ao Brasil, a empresa está investindo cerca de R$ 5 milhões em infra-estrutura, maquinário, contratação de técnicos e engenheiros e treinamento. “Estamos ampliando uma área fabril já existente de 2 mil metros quadrados, para 3 mil. Além disso, planejamos contratar mais 30 funcionários nos próximos dois anos”, afirma Carlos.
 
A expectativa da SKF com a inauguração é muito positiva. A idéia da companhia é de que a unidade feche o ano de 2009 representando cerca de 15% do faturamento da divisão de serviços. “Em dois anos deverá responder por metade dos negócios, atendendo as principais indústrias do País”, conclui Carlos.

Leia mais sobre a SKF aqui.
Tópicos:
  



Comentários