AAM do Brasil expande fábrica para abrigar dois novos projetos

Foto: AAM do Brasil

Foram iniciadas em junho de 2008 as obras de expansão da planta brasileira da American Axle & Manufacturing. A construção, que tem término previsto para o mês de junho de 2009, acontece para abrigar dois futuros projetos da AAM do Brasil: GMI 700 e RPU. Estima-se que o novo prédio esteja apto a receber os novos equipamentos já no mês de janeiro do próximo ano.


Planta brasileira do grupo American Axle & Manufacturing - Araucária (PR)

Ricardo Taveira, Gerente de Engenharia e Manufatura da AAM do Brasil acredita que a planta brasileira encontra-se em momento de transição acelerada, com a mudança dos perfis de clientes, fornecedores e de trabalho. “Trata-se de uma operação mais complexa, no entanto, com maior valor agregado. Precisamos de pessoas dispostas a abraçar essa nova transição e as novidades que advém daí. Haverá oportunidades para as áreas da engenharia, logística, produção, qualidade, entre outras”, diz.

Os novos equipamentos que irão compor a linha de produção são destinados à montagem de eixos na planta brasileira. Virão também equipamentos de outros países que contribuirão para a elevação de produção de engrenagens, que deve triplicar em relação à capacidade instalada hoje. “Receberemos equipamentos para a solda e usinagem de carcaça do eixo banjo, produção de eixos cardas e também para outras operações”, afirma Taveira.

Os aproximadamente 8 mil m² de expansão da fábrica serão totalmente equipados para a produção de qualquer tipo de peça. “O plano atual prevê que a montagem dos eixos diferenciais e cardas, assim como a pintura, serão feitos na expansão”, completa Taveira.

O gerente assinala também alguns pontos que serão relevantes para projetar a AAM do Brasil nacional e internacionalmente. Confira:

Esfera Nacional:
  • Mudança do perfil de produtos da AAM do Brasil e conseqüente ascensão da planta na escala de importância dos clientes
  • Fornecimento de sistemas e não apenas de componentes usinados
  • Aumento na complexidade da planta e produtos por ela produzidos
Esfera Internacional:
  • Obtenção do primeiro contrato de fornecimento de eixos com uma montadora européia, a Volkswagen
  • O primeiro eixo do tipo banjo produzido pela American Axle & Manufacturing será feito no Brasil
  • Primeiro fornecimento da AAM para países como Argentina, Colômbia e alguns países da África
  • Início do fornecimento de componentes usinados do projeto GMI 700 para a Tailândia

Sobre a AAM do Brasil:

Filial sul-americana do grupo American Axle & Manufacturing, a AAM do Brasil fornece peças para o mercado automotivo desde 1999 e é situada na região de Araucária (Região Metropolitana de Curitiba), no Paraná. Os seus produtos e componentes usinados (peças de motor, eixos diferenciais e sistemas de transmissão de força) são exportados para várias partes do mundo, além de abastecer a demanda brasileira e plantas AAM pelo planeta.

Atualmente, a planta brasileira produz cerca de 200 mil peças mensais e contrata 450 colaboradores diretos. Em 2008, a fábrica situada em Araucária passará a produzir sistemas complexos (eixos diferenciais). O grupo AAM nasceu em 1994, nos Estados Unidos, e se destaca na manufatura e usinagem de peças automotivas, sistemas de tração, engrenagens e eixos. A AAM mantém 29 instalações em 13 países pelo mundo.



Comentários