Banco Fator cria fundo para máquinas e equipamentos


Banco Fator, em parceria com fundos de pensão e a Abimaq, associação dos fabricantes de máquinas e quipamentos, está lançando um Fundo de Investimento em Direito Creditório (FDIC) com aporte inicial de R$ 200 milhões.

Segundo Alexandre Maia, do AbimaqCreed, administrado pelo Banco Fator, o fundo começa no dia 1º de julho e tem por objetivo também financiar os fabricantes de máquinas e equipamentos para a indústria naval, setor que tem demonstrado potencial de crescimento.

"Isso ajuda a resolver esse problema de falta de preços competitivos para a indústria de navipeças, por exemplo, que concorre muito com a importação", explicou Maia.

O financiamento terá juro de 1,5% ao mês, sem IOF, e o fundo poderá investir até 50% dos recursos em ações da Petrobras.

"O grande charme não é a questão do juro baixo, é que eu posso adiantar 50% do total para o fabricante, que vai no fornecedor, faz a compra antecipada e consegue um preço melhor", explicou.

A demanda inicial já atingiu R$ 50 milhões, segundo o executivo, e o objetivo do fundo é aumentar o patrimônio até R$ 1 bilhão.
Tópicos:
  



Comentários