Especialista suíça em aplicação, Blaser Swisslube, comemora 20 anos de operação no Brasil


Continua depois da publicidade


Em 2001, a Blaser Swisslube iniciou suas operações no Brasil, e registrou um marco na venda de valor no segmento de fluidos para usinagem. Em 2011, já era reconhecida pelo mercado local como uma referência em qualidade. Em 2021, com funcionários altamente especializados, continua garantindo a melhor solução, alavancando a produtividade dos clientes, tendo como pilares principais: pessoas, produtos e serviços.

A empresa emprega cerca de 600 pessoas e está presente em mais de 60 países, promovendo sua cultura familiar em escala global através de subsidiárias e parceiros de negócio. A matriz da Blaser Swisslube está localizada em Hasle-Rüegsau, Suíça, com plantas produtivas na Suíça e EUA. 

Sede Blaser Swisslube, Hasle-Rüegsau, na Suíça. Imagem: Divulgação

A matriz abriga um dos maiores laboratórios da indústria para pesquisa e desenvolvimento de produtos, assim como um centro de tecnologia totalmente equipado com as mais recentes máquinas CNC para testar novas soluções e simular processos dos clientes.

Centro Tecnológico Blaser Swisslube, em Hasle-Rüegsau, na Suíça. Imagem: Divulgação

Além disso, a empresa mantém laboratórios locais para otimizar o atendimento ao cliente.

Laboratório Blaser Swisslube, em Hasle-Rüegsau. Imagem: Divulgação

Desde 1936, a Blaser Swisslube se destaca em soluções de lubrificação que oferecem valor agregado mensurável e são amigáveis para pessoas e para o meio ambiente. A empresa suíça familiar desenvolve, produz e vende uma gama abrangente de fluidos de usinagem da mais alta qualidade, desempenho e confiabilidade para várias indústrias. Com uma equipe de especialistas na aplicação, serviços personalizados e excelentes produtos, a Blaser Swisslube ajuda as empresas a capitalizarem ao máximo o potencial de suas máquinas e ferramentas e transformarem o fluido de usinagem em um fator-chave de sucesso - uma Ferramenta Líquida. 


Teste-nos. Vale a pena. 


Continua depois da publicidade





Comentários