Meritor investe R$ 200 milhões em nova fábrica

Complexo industrial será construído em Roseira, SP, e vai gerar entre 200 e 250 postos de trabalho

Em uma clara aposta na continuidade de recuperação do mercado brasileiro de veículos comerciais, a Meritor anunciou nesta quinta-feira, 30, um investimento de R$ 200 milhões em uma fábrica na cidade de Roseira, no Vale do Paraíba, SP. O novo complexo industrial deve ser inaugurado em abril de 2021, gerando entre 200 e 250 postos de trabalho.

Na fase inicial a fábrica deverá produzir cerca de 2 mil eixos por mês, mas sua capacidade será de 8 mil unidades, volume similar ao da unidade instalada em Osasco, SP, onde fica a sede da empresa. Inicialmente serão feitos lá os mesmos eixos mecânicos fabricados em Osasco, mas a unidade abrigará numa segunda etapa todos os novos projetos da companhia.

“Com esse novo investimento, vamos poder explorar novos nichos e inclusive atender a futura demanda por veículos elétricos no País”, informa o diretor geral da Meritor no Brasil, Adalberto Momi. A ideia é produzir na unidade do Vale do Paraíba, no interior paulista, todos os novos produtos a serem desenvolvidos para o mercado brasileiro, incluindo eixos elétricos e eixos dianteiros para veículos 4×4, que foram apresentados na última Fenatran.


Continua depois da publicidade


Projeto antigo que acabou sendo adiado por causa da crise econômica dos últimos anos, a nova fábrica terá 30 mil m² em terreno de 160 mil m², com modernas linhas de produção baseadas nos sistemas da Indústria 4.0, “com foco nos princípios de segurança e sustentabilidade que estão sendo implementados mundialmente”, revela Momi.

“Estamos expandindo nossas linhas de produção, pois esperamos que o mercado brasileiro continue em recuperação progressiva. Nosso objetivo é atender à meta estratégica da Meritor global de crescer como líder de mercado, oferecendo o melhor serviço”, destaca o executivo.

A escolha da cidade de Roseira para a terceira fábrica – além de Osasco, a empresa possui outra em Resende, RJ, onde trabalha ao lado da Volkswagen Caminhões e Ônibus – ocorreu devido a sua localização no Vale do Paraíba. A região é considerada estratégica, pois liga os estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais, possuindo uma boa rede viária, proximidade aos portos, infraestrutura necessária, mão de obra qualificada e energia elétrica de qualidade.

Em Osasco, onde opera há 64 anos, a Meritor enfrenta limitação de espaço, sem possibilidade de expansão. A unidade fábril de Roseira representará um dos maiores investimentos da Meritor em uma instalação global nas últimas duas décadas. “Estamos muito confiantes e empolgados com esta nova fase que começamos em
2020”, destaca o diretor geral, informando ainda que o início da construção da nova fábrica está previsto para março




Comentários