VW tem mais de 10 mil interessados em seu primeiro carro elétrico

Modelo ID.3 começa a ser produzido em série no fim deste ano e chega ao mercado europeu em 2020

Após revelar o nome de seu primeiro carro elétrico, a VW registrou o cadastro de mais de 10 mil pessoas interessadas em comprar o modelo nas primeiras 24 horas da fase de pré-venda, para a qual o interessado deve realizar um depósito de € 1 mil para confirmar a reserva. O ID.3 será o primeiro da família de elétricos ID a ser vendido. Baseado na plataforma exclusiva para elétricos MEB, o modelo começa a ser produzido em série no fim deste ano no complexo industrial de Zwickau, na Alemanha, com início das entregas em 2020.

Segundo a Volkswagen, uma edição especial de lançamento identificada como ID.3 1ST será limitada a 30 mil unidades. Seu volume de reserva está acima das expectativas da empresa. A versão da edição especial tem autonomia para 420 quilômetros. Ela será oferecida por um valor abaixo de € 40 mil, embora o preço base do modelo para o mercado, segundo a VW, ficará abaixo dos € 30 mil para a versão menor. Os preços citados pela empresa ainda não consideram os subsídios governamentais para carros elétricos onde eles se aplicam.

Para os que já reservaram a compra do ID.3, a VW está oferecendo a possibilidade de utilizar energia elétrica sem custo no primeiro ano de uso do veículo para o limite de até 2.000 kWh em todos os pontos públicos de recarga conectados ao aplicativo da Volkswagen WeCharge, além da rede de carregamento rápido pan-europeu Ionity. A VW é uma das participantes dessa rede, que oferece energia limpa onde isso é tecnicamente viável. 


Continua depois da publicidade


O ID.3 é o primeiro de uma série de veículos da família de elétricos da Volkswagen e deve ser seguido por outros lançamentos da família ID. Conceitos como o ID.Crozz (SUV mostrado no Salão de Xangai/China), ID.Vizzion ou ID.Roomzz dão a ideia do que está por vir. Em sua ofensiva elétrica, a VW quer se tornar a maior fabricante e vendedora de veículos elétricos do mundo até 2025, planejando um portfólio com mais de 20 modelos totalmente elétricos e mais de 1 milhão de carros conectados por ano e com emissão zero.

A planta de Zwickau situada no leste alemão é uma das 16 do Grupo VW que vão produzir veículos elétricos no futuro. A unidade está passando por uma grande transformação para a produção da família de veículos elétricos da marca. Segundo a empresa, as mudanças estão acontecendo dentro do prazo na unidade que já produziu mais de 200 unidades do ID.3 em sua fase atual de pré-série.

“É firme a minha convicção de que a Alemanha como um polo global automotivo também deve liderar o caminho quando se trata de mobilidade elétrica. É por isso que estamos deliberadamente convertendo a fábrica de Zwickau no maior e mais eficiente site de carros elétricos da Europa. É impressionante ver os esforços que a equipe está fazendo para ajudar a alcançar essa transformação. Zwickau pode se tornar um modelo de transformação em nossa indústria”, aponta o CEO do Grupo Volkswagen, Herbert Diess.




Comentários