ArcelorMittal lança espaço para inovação e desenvolvimento da indústria do aço no Atmosphera

Açolab será referência para estimular ideias inovadoras no setor do aço e em sua cadeia de valor


Continua depois da publicidade


Em uma iniciativa pioneira na indústria do aço nacional, a ArcelorMittal lança o Açolab nesta quarta-feira (4). O local ficará no Atmosphera, centro de inovação e empreendedorismo, na região metropolitana de BH, e será referência para estimular o desenvolvimento de ideias inovadoras no setor do aço e em sua cadeia de valor. O espaço receberá startups, parceiros, representantes do meio acadêmico e profissionais da empresa envolvidos na evolução dos projetos.

Os principais objetivos desse ambiente colaborativo são incentivar e acelerar o desenvolvimento de soluções inovadoras, fortalecer o ecossistema e envolver os clientes e parceiros com as startups. “Não existe nenhuma experiência similar nos 60 países de atuação do Grupo ArcelorMittal. O Açolab vai nos permitir fortalecer ainda mais o relacionamento com nossos clientes, buscar maiores eficiências em nossas operações e ampliar novos modelos de negócio”, pontua Jefferson De Paula, CEO da ArcelorMittal Aços Longos Américas do Sul, Central e Caribe.

O lançamento

O lançamento oficial do espaço aconteceu nesta quarta-feira, no Atmosphera, centro de inovação e empreendedorismo, localizado no Vale do Sereno, em Nova Lima. O evento contou com a presença de Jefferson De Paula, CEO da ArcelorMittal Aços Longos, Paula Harraca, Gerente-Geral de RH, Investimento Social, TI e Inovação Digital, e Maria Thereza Pessoa Ortiz, Gerente de Estratégia e Inovação Digital na ArcelorMittal, além de importantes membros do grupo e parceiros da ArcelorMittal.


Continua depois da publicidade


De acordo com Paula Harraca, o lançamento será o pontapé inicial para programas e projetos com startups e parceiros, sempre com o objetivo de implementar mais inovação e avanço na indústria. A previsão de início das atividades e da seleção de projetos para integrarem o espaço é para agosto deste ano.

Um local para inovação

O Açolab faz parte dos investimentos de R$ 30 milhões que este segmento da empresa está fazendo em inovações de TI e Digital ao longo de 2018. Ele foi concebido a partir de benchmarks realizados no Brasil e em outros ecossistemas de inovação, como por exemplo, o Vale do Silício, na Califórnia. Trata-se de mais um movimento da empresa no sentido de valorizar o Brasil e reforçar a importância da inovação para o negócio.

Localizado no Atmosphera, uma região caracterizada pela proliferação de ecossistemas de inovação e empreendedorismo, o Açolab terá como equipe residente o time de Estratégia e Inovação Digital da ArcelorMittal. Com uma “pegada” também sustentável – produtos mais recicláveis e uso eficiente e responsável de recursos –, os projetos vão ser realizados por equipes multifuncionais. No momento, oito iniciativas das áreas comercial, industrial, logística e do Centro Corporativo da ArcelorMittal na capital mineira vão ter continuidade no novo ambiente. A intenção é que o desenvolvimento de um projeto de inovação seja ágil e de rápida execução.

A criação do Açolab representa a busca por uma modelagem cultural dentro da própria organização. “Teremos uma referência concreta do movimento de inovação. Quando falamos em inovação, além das oportunidades geradas pelas novas tecnologias, um ponto chave é estimularmos a mentalidade e o ambiente necessários para que a inovação aconteça”, explica Paula Harraca, Gerente-Geral de RH, Investimento Social, TI e Inovação Digital ArcelorMittal Aços Longos.

De acordo com Harraca, o novo espaço também contará com equipes focadas no amanhã, sempre pensando no futuro do aço e de toda a cadeia de valor. A ideia é potencializar a geração de resultados do negócio, visando mais competitividade de mercado.

O Açolab também sediará encontros com clientes, rodadas de identificação de necessidades com clientes internos e externos, treinamentos em metodologias e ferramentas de inovação, ciclos de palestras com convidados e hackathons.

Tópicos:



Comentários