Intermach 2017 surpreende com fechamento de negócios estimados em R$ 110 milhões

Na última semana aconteceu a 11ª edição da Feira e Congresso Internacional de Tecnologia, Máquinas, Equipamentos, Automação e Serviços para a Indústria Metalmecânica – Intermach 2017, em Joinville (SC). O evento surpreendeu a organização com o número de visitantes que superou a última edição, em 2015. Dezoito mil visitantes passaram pelo pavilhão da Expoville entre os dias 12 e 15 de setembro, 3 mil a mais do que na última edição. A estimativa de negócios gerados ou os contatos iniciados na feira e que deverão ser consolidados no próximo semestre deve atingir R$ 110 milhões.

O diretor da Messe Brasil, empresa que organizou o evento, Richard Spirandelli, lembra que, embora o número de expositores tenha diminuído, a visitação acima da última marca garantiu um público de qualidade e bons negócios, gerando otimismo entre os expositores. “Tivemos um terço de novas empresas [expondo], isso mostra que o mercado se renova”, afirma. O número de visitantes atingiu a marca de 18 mil pessoas, vindas de 13 estados de todas as regiões do país, com destaque para Santa Catarina, Paraná, São Paulo e Rio Grande do Sul, além da Alemanha, Estados Unidos, Colômbia e México.

Evento recebeu 18 mil visitantes em quatro dias. Imagem: CIMM

Interessado em entender mais sobre a Internet Industrial, Marcos Pereira, supervisor do departamento de engenharia de processos da Schulz Compressores, aproveitou o evento para aprender e se aproximar mais das novas tecnologias do mercado metalmecânico e da tão falada Indústria 4.0. Entretanto, ele e sua equipe também estavam à procura de novos equipamentos, como uma máquina alimentadora automática de prensa, para tornar o processo industrial mais eficiente, reduzindo de 26% para 14% o descarte de sucata. Seu budget para a compra de equipamentos ultrapassava R$ 1 milhão.


Continua depois da publicidade


A qualidade dos visitantes está evidente no perfil identificado no evento. 46% ocupam cargos estratégicos, 22% participam da decisão final de compras e 20% recomendam. 55% visitaram a Intermach com o objetivo de conhecer novos produtos e 26% novos fornecedores. O segmento com o maior número de profissionais foi engenharia (16%), seguido do automotivo (12%), serviços para a indústria (10%), eletrônico, eletroeletrônico e eletrodomésticos (8%), plástico (8%), fundição (6%), energia (5%), construção civil (5%) e siderurgia (3%).

Nessa edição o evento reuniu 150 expositores com destaque tecnologias em máquinas, equipamentos e serviços focados na modernização dos parques fabris e preparo da indústria para imersão na indústria 4.0 que deve se consolidar no país nos próximos 10 anos.




Comentários