Chinesa JA Solar cria subsidiária no Brasil de olho em negócios em energia solar

A chinesa JA Solar, fabricante de equipamentos para geração de energia solar, anunciou a criação de uma subsidiária no Brasil para ampliar sua presença local, de olho no potencial de crescimento do país e do mercado latino americano nos próximos anos, segundo comunicado da empresa nesta terça-feira.

Com sede em Xangai, a JA Solar disse que já opera no Brasil desde 2015, mas agora terá um novo escritório local que poderá oferecer suporte aos clientes em planejamento e logística, além de apoiar atividades de promoção da marca e suas tecnologias e desenvolver e gerenciar atividades de vendas na região.

"O escritório da JA Solar Brasil deverá iniciar operações no início de julho. O mercado latino-americano é um mercado emergente com grande potencial de crescimento nos próximos anos, e a JA Solar está trabalhando ativamente para expandir sua presença na região", disse a companhia em nota.

A JA Solar abriu em março deste ano uma unidade no México, no que marcou o início da expansão para a América Latina.

A empresa também destacou que tem visto um "crescimento significativo" no mercado de geração solar distribuída no Brasil, com instalações de placas solares em telhados de residências ou edifícios comerciais.


Continua depois da publicidade


"O lançamento da JA Solar Brasil vai aprimorar nossa capacidade de servir nossos clientes, fortalecer nossas parcerias estratégicas na região e tornar a marca mais conhecida no Brasil, bem como no mercado latino-americano. Nossos módulos solares de alta performance são bem reconhecidos na indústria", disse em nota o presidente da JA Solar, Baofang Jin.

Segundo informações do site da companhia, a JA Solar possui 11 unidades produtivas pelo mundo e já soma exportações de equipamentos que teriam capacidade para mais de 20 gigawatts em geração.




Comentários ()