Pedidos de financiamento à Finep somam R$ 56 bilhões

Pedidos de financiamento à Finep somam R$ 56 bilhões

A primeira rodada de projetos apresentados no âmbito do programa Inova Empresa totalizou R$ 56,2 bilhões. A afirmação é do presidente da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), Glauco Arbix. Segundo ele, 1.904 empresas depositaram projetos que serão avaliados para captação de recursos do programa.
 
O governo concluiu na quarta-feira o balanço da primeira etapa do programa anunciado em março, que prevê a aplicação de mais de R$ 32,9 bilhões até 2014.
 
A expectativa do governo é que entre 40% e 50% dos projetos seja aprovada, o que somaria R$ 28,1 bilhões em investimentos. Ainda assim, a Finep precisará aumentar seu orçamento para arcar com os projetos.
 
"Se ficarmos com 10% dos projetos, teremos uma demanda de R$ 6 bilhões. É mais que o orçamento da Finep", disse Arbix. A Finep já teve seu orçamento multiplicado por seis desde o começo do programa e espera aumentar ainda mais sua capacidade de financiamento até 2014.
 
O Inova Empresa é um plano de investimento em inovação que prevê a articulação de diferentes ministérios e a disponibilidade de apoio financeiro por meio de crédito, subvenção econômica, investimento e financiamento a áreas consideradas estratégicas, como a cadeia de petróleo e gás, defesa, energia e tecnologia da informação e comunicação (TIC). Os recursos serão financiados pela Finep e Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).
 
"As empresas perceberam que têm que incorporar a inovação em sua estratégia para conseguir competir interna e externamente", disse Arbix.
 
Por Guilherme Serodio/ Valor Econômico



Comentários