23/01/2018

Sua Indústria é Super Conservadora ou Inovadora?

Indústrias inovadoras e a chegada da Smart Manufacturing, o que ganhamos com isso?

Oi tudo bem?

Conversando todos os dias com várias pessoas da indústria, notei que existem dois tipos de indústrias, as super conservadoras e que estão satisfeitas com os produtos que fabricam desde mil novecentos e bolinha e as indústrias que perseguem a inovação.

Se está lendo e sua indústria produz o mesmo produto há anos, você acha que não precisa inovar, não tem nenhum concorrente na sua área e reduzir custos não é sua preocupação, então o conteúdo a seguir não é para você e sua indústria, não leia até o final.

A única medida de superar seus concorrentes é focar em atingir constantemente a inovação em diversas áreas da sua empresa, desde o desenvolvimento até a entrega do produto e a gestão da cadeia de suprimentos.

Mas citar a inovação sem explicar como, acaba ficando muito redundante, porque não é algo forçado, mas uma busca constante não só da sua empresa, mas de todas, incluindo seus concorrentes.

Para você entender melhor essa inovação, é só pensar que quanto mais a produção é fragmentada, mais caro, mais demorado e menos original fica o trabalho, porque há muita perda de informação durante esse processo, e essa perda descaracteriza o produto e torna ele algo normal e não revolucionário.

Essa inovação se diferencia porque tem a preocupação em atualizar todas as áreas, não só o produto final, mas novos métodos e técnicas de produção para que diminua gastos, otimiza a produção, acoplando tudo isso no menor número de setores possíveis, originando um produto diferenciado e inovador.

Quando se eliminam redundâncias e se automatizam partes do processo de projeto à fabricação, os recursos são liberados de tarefas repetitivas e há mais espaço para imaginação e criatividade. O foco não está mais no processo de transferir informações, mas em maximizar as ideias e o projeto.

A CHEGADA DA SMART MANUFACTURING

Smart Manufacturing é um termo usado para descrever um fluxo conectado e contínuo de propriedade intelectual para todas as equipes envolvidas, desde o projeto até a fabricação.

A inteligência na fabricação é antecipada para integrar ativamente os três componentes principais do processo de desenvolvimento: projeto, fabricação e inovação.

O processo de projeto à fabricação da SOLIDWORKS tem as ferramentas necessárias para implementar uma estratégia completamente integrada, sem precisar sair do ambiente familiar do SOLIDWORKS. Com essas ferramentas, as equipes de projeto e fabricação trabalham unidas, sem precisar exportar e importar dados de um sistema para outro.

E afinal, o que você ganha com tudo isso?

Economia de tempo e dinheiro! Quer mais que isso!?

A otimização desses processos, torna o trabalho bem mais rápido e mais barato, porque além de diminuir o número de ferramentas, ainda diminui as fases e processos de produção, produzindo mais, em um tempo menor e resultando um produto diferenciado no mercado.

Se interessou em saber mais sobre esse processo? Clique aqui que faremos um diagnóstico completo pra sua indústria e te apoiaremos a ser super inovadores.

As informações e opiniões veiculadas nesse artigo são de responsabilidade exclusiva do autor e não representam a opinião do Grupo CIMM.
Tópicos:

Camila Sarantopoulos

Perfil do autor

Apaixonada por tecnologia e inovação, sempre em busca de novidades e adora compartilhar o que aprende.


Comentários