29/11/2016

4 itens essenciais para uma nova startup

Empreender é algo constante na alma do ser humano. Uma porcentagem grande de pessoas tem o sonho de ter sua pequena empresa. Talvez só perca para ter uma casa própria, no ranking dos maiores sonhos dos brasileiros. Mas utilizando métodos mais seguros, pode se tornar algo mais fácil. Ou menos difícil...

Imagem: Pixabay

Aqui vai uma lista com 4 dicas, não deixe de ler sobre o assunto, mesmo que seja apenas um negócio de final de semana, quase um hobby.

Pesquisa de Mercado

Um negócio original – ou diferente de tudo o que já existe – tem uma chance bem maior de prosperar. Seria interessante fazer uma pesquisa, seja na internet ou mesmo procurando ajuda no SEBRAE. Cuidado com o que fala, no entanto. Quanto menos pessoas souberem os detalhes, melhor. Muita gente pode ser mais rápida e te copiar.

Pense nos detalhes

Observe o custo que o produto terá para ser produzido, quantas pessoas você precisará contratar para fazer o negócio ir adiante, o transporte da mercadoria para os clientes, quem é seu público alvo, se o dinheiro que você possui vai dar para o início ou se precisará de investidores, se há bom relacionamento com os clientes. Pense em tudo ANTES!

Sonhe alto

Seu produto ou serviço pode ser útil localmente, mas se a demanda for grande, há maneiras de você expandir? É melhor pensar nisso logo do que perder a chance de expandir por falta de estrutura. Estude muito sobre todas as possibilidades. Inclusive a do insucesso.

Comunique-se bem

Não dá mais pra nenhum negócio ter sucesso sem a internet. Nada mais útil – e barato – do que fazer seu próprio aplicativo para celular e tablets ou se associar a um. Se o negócio for do ramo de alimentação, uma boa dica é estar presente em um bom app de delivery como o PedidosJá. É o que mais cresce mais no país e é sempre bom estar ao lado dos grandes. A empresa cresceu em apenas 7 anos num ritmo frenético, saltou dos 3 funcionários iniciais para cerca de 200 atualmente.

Boa sorte!

As informações e opiniões veiculadas nesse artigo são de responsabilidade exclusiva do autor e não representam a opinião do Grupo CIMM.

Mirella Bittencourt


Comentários