Medium_fullsizerender2
  |   05/04/2016   |   Marketing e Comportamento   |  

Uma tarde no LinkedIn: conteúdo, networking e alto astral!

O Grupo Mulheres de Negócios comemorou 7 anos no último dia 31 e ganhou do LInkedIn um Tutorial de Perfil.

O evento de comemoração dos 7 anos do grupo Mulheres de Negócios

O LinkedIn impressiona. Seja pelos números globais - mais de 400 milhões de profissionais no mundo todo, 23 milhões no Brasil ou pela vibe do escritório no bairro de Pinheiros, em São Paulo. O local tem um clima descontraído de uma agência de propaganda, um lounge informal e elegante de um escritório de tecnologia e um espaço de networking com café, lanchonete e até um pequeno palco para um show ao vivo.

Para o encontro de comemoração do 7º aniversário do grupo “Mulheres de Negócios”, no dia 31/03, tivemos a chance de participar de um Tutorial de Perfil, apresentado por Fernanda Brunsizian, gerente de Comunicação da empresa para a América Latina. Foi incrível realizar a reunião no próprio LinkedIn, onde tudo começou, afinal, desde o  convite para 8 amigas em março de 2009, até hoje, 7 anos e 6160 profissionais depois, muita coisa aconteceu - muito conteúdo foi discutido, encontros realizados e relacionamentos construídos. Por conta disto tudo, o “Mulheres de Negócios” é hoje o maior grupo de mulheres do portal no Brasil.

Imagem: Vivian Koblinsky

O tutorial deu dicas valiosas de como turbinarmos o nosso perfil na maior rede profissional do mundo. Então, aqui vão as 7 dicas mais interessantes. Antes de partirmos para a lista, é importante lembrar que o perfil ou nossa página não é a versão digital do CV. No LinkedIn dá para incluir muito mais informações que poderiam deixar o CV tradicional sobrecarregado. Além da formação acadêmica, é possível incluir idiomas, prêmios, certificações, projetos realizados, causas, interesses, trabalhos voluntários e artigos, utilizando links, vídeos, apresentações e imagens. Tudo é muito dinâmico e organizado.

  1. Se você trabalha num mercado e quer atuar em outro, é importante demonstrar esta tendência em seu perfil usando tags (palavras-chave) que reflitam este desejo. Se decidiu realmente mudar, coloque foco na experiência que você tem nesta área, porque estas são as tags que serão visualizadas pelos recrutadores na busca de potenciais candidatos.
  2. Enquanto o título do seu perfil mostra sua função no mercado - e basicamente o que você fez ou faz profissionalmente, o sumário pode indicar traços de sua personalidade que nem sempre são listadas no CV. As tags revelam sua expertise ou skills em determinado segmento. 
  3. Abaixo da foto no seu perfil, você tem o endereço LinkedIn - este é seu “crachá” na rede. O formato é: https://br.linkedin.com/in/seunome. O link pode ser utilizado em seu cartão de visitas, assinatura de e-mail ou enviado para quem solicitar seu CV/perfil, que deve estar sempre atualizado e à prova de erros, claro. Não se esqueça de incluir uma boa foto. Perfis com foto são 14 vezes mais visualizados do que aqueles que não têm.
  4. Você pode buscar contatos dentro de empresas através do LinkedIn Advanced People Search, que permite identificar profissionais que tenham o mesmo cargo que o seu ou procurar alguém com quem você deseja interagir - é possível verificar se estas pessoas são contatos de 1º, 2º. ou 3º. nível. A busca pode ser feita por empresa, localização, indústria, instituição de ensino, etc.
  5. Se você for visitar uma empresa ou precisar falar com alguém do mercado, é recomendável que se faça antes uma pesquisa no LinkedIn sobre o profissional e/ou empresa para que você possa contar com informações valiosas e atualizadas. (Mostre que fez a lição de casa!).
  6. Os profissionais tendem a fazer uma lista das tarefas realizadas nas empresas nas quais trabalharam. O importante é destacar os resultados obtidos em sua atuação no período. Métricas são importantes – números como % de crescimento, contas conquistadas, redução de custos, resultado de pesquisas – tudo o que puder ser quantificado com certeza terá mais possibilidade de ser notado (e apreciado) pelos recrutadores e terá um impacto muito maior do que uma simples “job description”. 

Seguindo estas dicas, tenho certeza de que nosso perfil terá muitas visualizações!

Bons negócios!

 Abraços

Gladis Costa

As informações e opiniões veiculadas nesse artigo são de responsabilidade exclusiva do autor e não representam a opinião do Grupo CIMM.
Fullsizerender2

Gladis Costa

Gladis Costa é profissional da área de Comunicação e Marketing, com vivência em empresas globais de TI. É fundadora do maior grupo de Mulheres de Negócios do LinkedIn Brasil, que conta com mais de 6200 profissionais. Escreve regularmente sobre gestão, consumo, comportamento e marketing. É formada em Letras, e tem pós graduação em Jornalismo, Comunicação Social e MBA pela PUC São Paulo. É autora do livro "O Homem que Entendia as Mulheres", publicado pela All Print.


Mais artigos de Gladis Costa

Comentários