Definição - O que é Processos de soldagem

Pode-se dividir o processo de soldagem em dois grandes grupos: a) Por fusão: a energia é aplicada para produzir calor capaz de fundir o material de base. Diz-se neste caso que a solubilização ocorre na fase líquida, que caracteriza o processo por fusão. São os principais processos de soldagem por fusão:

  • Soldagem a chama (fonte de calor química): oxi-acetilênica, oxi-GPL, oxi-hídrica. A fusão origina-se do calor gerado pela queima de um gás, com o material de adição introduzido separadamente. É atualmente o processo mais rudimentar de soldagem;
  • Soldagem a arco elétrico: eletrodo revestido, eletrodo tubular, fio contínuo (MIG, MAG), eletrodo permanente (TIG). A fusão origina-se da ação direta e localizada de um arco voltaico;
  • Em banho de escória;
  • Aluminotérmica;
  • Raio laser;
  • Feixe eletrônico.
  • b)Sob pressão: A energia é aplicada para provocar uma tensão no material de base capaz de produzir a solubilização na fase sólida, caracterizando a soldagem sob pressão. Uma pressão sobre as partes a unir é exercida após o aquecimento para garantir o total interfaceamento entre as partes pela conformação de suas rugosidades. De forma similar, as fontes de energia podem ser diversas. Podemos subdividir a soldagem por pressão nas seguintes categorias:
  • Por resistência;
  • Por faiscamento;
  • Por indução;
  • Por atrito;
  • Por ultra-som.







  • Ou navegue por letra



    Fórum

    Tire suas dúvidas e ajude outras pessoas no CIMM:

    Faça uma pergunta

    Desbloqueie o Potencial do seu chão de Fábrica

    NX CAM – Manufatura de alta produtividade e o melhor da categoria em qualidade.