1. Thumb_x_noticia_29521

    Brasil não precisa eletrificar frota, diz CEO da ZF

    Scheider indica que no mercado brasileiro a empresa vai focar no fornecimento de sistemas de segurança

  2. Thumb_010115190711-ilhas-de-carbono

    Fazendas solares no mar podem neutralizar CO2 emitido por veículos

    Parece sensato recuperar o CO2 (dióxido de carbono) do ambiente e usá-lo novamente, assim como já fazemos com papel, latas e vidro.

  3. Thumb_diesel_smoke_big

    Filtro de manganês limpa escapamento de motores a diesel

    O filtro tirou da fumaça do diesel sobretudo os óxidos de nitrogênio (NOx) e de enxofre (SOx).

  4. Thumb_vessel-fuel-optimization

    Fujitsu e Kongsberg Enfrentam Emissões de Gases com Efeito de Estufa com Solução de IA

  5. Thumb_010125190619-combustivel-neutro-carbono

    Combustível de aviação é feito com ar e energia solar

    Pela primeira vez, toda a cadeia de processos termoquímicos foi demonstrada sob condições reais de campo.

  6. Thumb_ups-cng_1200xx5760-3246-0-22

    Indústria aposta no caminhão a gás

    Combustíveis alternativos são menos poluidores e oferecem vantagem econômica

  7. Thumb_ethanol_summit

    Indústria defende rota tecnológica do etanol para o futuro da mobilidade no Brasil

    Tecnologias com o biocombustível podem colocar o País na vanguarda do desenvolvimento

  8. Thumb_ryanair_boeing_737_refueling-compressor

    Boeing amplia investimento na indústria de biocombustível para aviação no Brasil

    Fabricante quer identificar comunidades de agricultores no Brasil para fornecer matérias-primas para produzir combustível sustentável

  9. Thumb_729x300_topo_ibge_logo

    Diesel, óleos brutos de petróleo, minério de ferro e automóveis são os quatro produtos mais importantes da indústria brasileira

  10. Thumb_unnamed__2_

    FPT Industrial testa biodiesel de macaúba em motor de trator agrícola

    Testes utilizaram misturas de 10% e 20% de biodiesel de macaúba em diesel fóssil – misturas conhecidas como B10 e B20, respectivamente

  11. Thumb_car-parking-home-transport-vehicle-auto-970151-pxhere.com-compressor

    Nova fase desafia a indústria automotiva

  12. Thumb_4247786

    NASA investe em avião abastecido com hidrogênio congelado

  13. Thumb_56459645_357876238405591_8351200485636480148_n

    Primeira gasolina ecoaditivada do Brasil está disponível em Manaus

    Combustível possui tecnologia para reduzir a emissão de poluentes em até 50% e aumentar rendimento em 10%A primeira gasolina ecoaditivada do Brasil está disponível em Manaus, no Amazonas. O combustível possui tecnologia para reduzir a emissão de poluentes em até 50% e aumentar rendimento do veículo em até 10%. Chamada de DuraMais, a gasolina foi lançada em abril em Manaus e já está disponível nos postos de combustíveis, oferecida pelo Grupo Dislub Equador. Devido às características favoráveis ao meio ambiente e ao proprietário do veículo, a gasolina recebeu uma certificação do Instituto das Nações Unidas para Treinamento e Pesquisa (Unitar/ONU). De acordo com o sócio-diretor do Grupo Dislub Equador, Humberto Carrilho, o combustível foi testado em carros em viagens de Manaus a outras cidades da Região Metropolitana. “Os carros utilizaram gasolina DuraMais e gasolina comum para comparativo dos resultados”, disse durante a coletiva. “Os carros que usaram a gasolina ecoaditivada tiveram mais rendimento, comprovando a eficiência da gasolina”, explicou. “Conseguimos conjugar a venda de gasolina e ecologia com a primeira gasolina ecoaditivada do Brasil”. Também conforme informado durante a coletiva, a gasolina DuraMais possui como aditivo um catalisador criado para reduzir em até 50% o índice de poluentes emitidos pelos combustíveis fósseis. A redução de poluentes ocorre devido a uma nanotecnologia chamada GreenPlus, que reorganiza o combustível a nível molecular, otimizando a queima e acelerando a combustão, que passa a ser mais eficiente. O produto foi desenvolvido na Califórnia, nos Estados Unidos, pelo australiano Bill Carroll, que veio a Manaus para o lançamento da gasolina, conforme informado pela empresa, em nota. Atualmente, a gasolina ecoaditivada já é utilizada no transporte público da Alemanha, virou política pública na Colômbia e está disponível ao consumidor em postos nos Estados Unidos e Argentina, além de países na Europa, Ásia e Oriente Médio. Em Manaus, a gasolina já está à venda, e, de acordo com a empresa responsável pelo produto, chegará gradativamente aos postos de outros estados no Norte e Nordeste ainda em 2019. O combustível é destinado a veículos leves. Quanto a ônibus e caminhões, a discussão de um combustível com baixa emissão de poluentes passa por outras alternativas, como por exemplo o GNV. A Abegás (Associação Brasileira das Empresas Distribuidoras de Gás Canalizado) está lutando para aplicar a política do uso do GNV em ônibus no Brasil. Em novembro de 2018, a associação entregou ao então presidente eleito, Jair Bolsonaro, uma proposta radical de substituição diesel por GNV em ônibus e caminhões do país.

  14. Thumb_gnv

    Conversões para GNV sobem 59% após alta nos preços da gasolina e do etanol

    Ano de 2018 terminou com 2,25 milhões de veículos adaptados para serem abastecidos com gás natural

  15. Thumb_greve-caminhoneiros-825x550

    Petrobras anuncia aumento de 2,56% no preço do diesel nas refinarias