Utilização de resina fotopolimerizável para caracterização da superfície do rebolo

por: Marcos Endo, Leonildo Pivotto, Carlos Ventura

Acessar artigo completo



Ano: 2019

Instituições de ensino: Universidade Federal de São Carlos, Universidade de São Paulo, Universidade Federal de São Carlos

Idioma: Portugues

Logo-abcm-300
Logo-cobef-2019



Resumo

As características da superfície abrasiva do rebolo têm influência significativa sobre a qualidade do produto obtido após o processo de retificação. Deve-se atentar principalmente à protrusão do grão, que afeta a espessura do cavaco e, consequentemente, a rugosidade final. Tal parâmetro pode ser avaliado a partir de uma análise da rugosidade da superfície do rebolo observado em microscópio, porém, para isso, o rebolo deve ser retirado da máquina, o que pode causar erros no processo. Tendo isso em vista, o presente trabalho apresenta uma metodologia para a caracterização da superfície do rebolo sem a necessidade de sua remoção da máquina. Moldes da superfície abrasiva foram obtidos a partir de uma resina endurecível por polimerização e comparados à superfície original por meio da aquisição de imagens tridimensionais em um microscópio óptico. Os resultados mostraram que os valores da altura reduzida de pico medida na área Spk (parâmetro de rugosidade da curva de Abbott-Firestone) podem ser utilizados para caracterizar a superfície abrasiva por meio da aplicação da resina, sem a necessidade de uma avaliação direta do rebolo.


Palavras chave

Acessar artigo completo



Comentários ()



Veja outros trabalhos acadêmicos

Outros conteúdos

Fórum

Tire suas dúvidas e ajude outras pessoas no CIMM:

Faça uma pergunta