ANÁLISE DOS TEMPOS DE SINTERIZAÇÃO DA LIGA NiTi PROCESSADA VIA METALURGIA DO PÓ EM RELAÇÃO ÀS CARACTERÍSTICAS MICROESTRUTURAIS

por: Luiz Gastão de Oliveira Filho, Candido Jorge de Sousa Lobo, Marcelo José Gomes da Silva, Jorge Cardoso, Hellen Cristine Prata Oliveira

Acessar artigo completo



Ano: 2019

Instituições de ensino: Universidade Federal do Ceará, Universidade Federal do Ceará, Universidade Federal do Ceará, Universidade Federal do Ceará, Universidade Federal de Ouro Preto

Idioma: Portugues

Logo-abcm-300
Logo-cobef-2019



Resumo

A liga Níquel-Titânio (NiTi) destaca-se por pertencer ao grupo dos chamados materiais inteligentes, devido às suas excelentes propriedades como memória de forma, superelasticidade e biocompatibilidade, sendo utilizadas tanto nas áreas da engenharia quanto, principalmente, em aplicações na área médica ou odontológica. Neste trabalho analisa-se a influência dos tempos de sinterização em relação às características microestruturais na obtenção da liga NiTi via metalurgia do pó. Os pós elementares foram pesados na proporção de 50,5% Ni - 49,5% Ti (% at.) e misturados mecanicamente a baixa energia durante 5 horas e rotação de 25 rpm. Posteriormente, a mistura foi prensada uniaxialmente em um molde cilíndrico a uma pressão de 500 MPa. Após isso, as amostras foram sinterizadas sob atmosfera controlada de argônio na temperatura de 932 °C com os tempos de 12, 24 e 36 horas. Os pós elementares de Ni e Ti foram analisados pelo MEV para verificar a morfologia e tamanhos das partículas e pela FRX para verificar a pureza química. As amostras sinterizadas foram caracterizadas microestruturalmente através da MO e DRX para identificar a formação de fases martensíticas. Os resultados revelam a existência das fases austenítica (B2) e martensítica (B19’), sendo que o tempo de sinterização provocou alterações na estrutura do sinterizado, constituindo fases secundárias de NiTi2 e óxidos de Ni2Ti4O. Sendo assim, a sinterização por 24 h demonstrou ser a rota mais ideal, pela predominância da fase martensita, podendo resultar em uma liga com as melhores propriedades de efeito de memória de forma.


Palavras chave

Acessar artigo completo



Comentários ()



Veja outros trabalhos acadêmicos

Outros conteúdos

Fórum

Tire suas dúvidas e ajude outras pessoas no CIMM:

Faça uma pergunta