ESTUDO DA OCORRÊNCIA DE FISSURAÇÃO A FRIO NO AÇO ESTRUTURAL DE ALTA RESISTÊNCIA SOLDADO PELO PROCESSO GMAW

por: Weber de Almeida Lima

Acessar artigo completo



Ano: 2019

Instituições de ensino: Instituto Federal de Minas Gerais

Idioma: Portugues

Logo-abcm-300
Logo-cobef-2019



Resumo

A fabricação e o desenvolvimento de aços estruturais de alta resistência têm tido um grande avanço nas últimas décadas, sendo utilizado para a sua obtenção o processo termomecânico controlado (TMCP), que proporciona ganhos de resistência mecânica e tenacidade através da obtenção de uma microestrutura homogênea de grãos refinados, resultando em componentes mais leves, de boa conformabilidade e soldabilidade. Diante destes avanços que proporcionam a entrada de novos materiais no mercado industrial, o estudo das descontinuidades que estão sujeitas as uniões soldadas é necessário, dentre elas a fissuração a frio, conhecida como fissuração por hidrogênio. Para realização deste trabalho foi utilizado um aço estrutural de alta resistência, sendo o mesmo submetido ao ensaio de soldabilidade Tekken Test (Y-Groove) pelo processo Gas Metal Arc Welding (GMAW). O objetivo geral deste trabalho foi verificar a ocorrência de trincas nas regiões da solda, observando o tipo de microestrutura resultante e fatores que proporcionaram as mesmas. Pode-se observar com os resultados obtidos, que o efeito do pré-aquecimento resultou em mudanças mecânicas e microestrutural, sendo a região de granulação grosseira da zona termicamente afetada (GGZTA) a que mais apresentou os resultados significativos quanto à fissuração por hidrogênio.


Palavras chave

Acessar artigo completo




Comentários



Veja outros trabalhos acadêmicos

Outros conteúdos

Fórum

Tire suas dúvidas e ajude outras pessoas no CIMM:

Faça uma pergunta