AVALIAÇÃO DE ELEMENTO CERÂMICO EM GRADAÇÃO FUNCIONAL

por: Luís Gustavo Camargo Martos, Giovani Braschi, Marcelo Bertolete Carneiro, Izabel Machado, Patrícia Alves Barbosa, Wagner de Rossi

Acessar artigo completo



Ano: 2019

Instituições de ensino: Escola de Engenharia de São Carlos, Universidade de São Paulo, Escola de Engenharia de São Carlos, Universidade de São Paulo, Universidade Federal do Espírito Santo, Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares

Idioma: Portugues

Logo-abcm-300
Logo-cobef-2019



Resumo

Materiais em gradação funcional (FGM) permitem a obtenção de uma grande variedade de propriedades, pois combinam as características de materiais distintos para a formação de um elemento singular. O objetivo do trabalho consistiu em fabricar e caracterizar estruturas cerâmicas de alumina (Al2O3) em gradação funcional com metal duro (WC-Co) com ênfase em ferramentas de corte para usinagem. O gradiente foi executado na forma de camadas ao longo da espessura das amostras. Amostras foram sinterizadas pela técnica conhecida por Spark Plasma Sintering (SPS) na temperatura de 1300 e 1350ºC. Foram avaliadas a densidade relativa, a microestrutura e a microdureza ao longo da seção transversal das amostras. Para a melhor amostra sinterizada obteve-se valor de densidade relativa de 97,44%, ausência de trincas de origem térmica após a sinterização e variação no perfil de dureza entre a primeira e a última camada de 15,34%, convergindo para o conceito de FGM.


Palavras chave

Acessar artigo completo



Comentários ()



Veja outros trabalhos acadêmicos

Outros conteúdos

Fórum

Tire suas dúvidas e ajude outras pessoas no CIMM:

Faça uma pergunta