Avaliação da redução dos resíduos sólidos de areia resinada em fundição de aço através de recuperação térmica

por: Luiz Rogério Natividade Lopes

Enviar e-mail para o autor



Orientadores: Silvio Alexandre Beisl Vieira de Melo

Páginas: 94

Idioma: Portugues

Notas:





Resumo

Esta dissertação descreve o estudo realizado para avaliar os impactos ambientais num processo de fundição de aços carbono, ligas e inox no que se relaciona ao uso de areia com resina fenólica uretânica e apresenta algumas propostas para reduzi-los. A escolha desse tema se deve ao fato de o principal impacto ambiental gerado numa fundição ser proveniente do descarte de areia resinada. A metodologia de trabalho envolveu o levantamento de dados técnicos do processo de fundição, suas características, e de dados sobre as avaliações de impactos ambientais dessa atividade. Durante o processo de fundição, para que os moldes tenham a resistência mecânica necessária, eles são confeccionados com areia e resina. O descarte posterior desse material causa um impacto ambiental significativo. O processo de recuperação térmica tem por objetivo diminuir o descarte de areia resinada fenólica a números próximos de zero. Esta pesquisa compara os impactos ambientais da fundição, sem o processo de recuperação térmica e com o processo de recuperação térmica da areia, em particular os que ocorrem no processo de calcinação da areia resinada, tais como geração de gases para atmosfera, geração de calor, uso de combustível etc. Os resultados deste trabalho demonstram de forma quantitativa as vantagens e desvantagens dessa tecnologia. O trabalho apresenta ainda sugestões de usos alternativos da areia resinada descartada, tais como: a fabricação de blocos na construção civil, uso em asfalto etc.


Palavra chave

Enviar e-mail para o autor



Comentários ()



Veja outros trabalhos acadêmicos

Outros conteúdos

Fórum

Tire suas dúvidas e ajude outras pessoas no CIMM:

Faça uma pergunta