Empresa italiana especialista em metalmecânica avança no Brasil

A LD Engineering está presente do Brasil desde 2009 e espera crescimento com o Inovar-Auto

 

Com 121 profissionais no Brasil, a LD Engineering prepara-se para colher os frutos dos investimentos recentes em serviços de projeto e consultoria voltados para a indústria automobilística. A empresa, que possui matriz na Itália e escritórios também na Romênia e Ucrânia, está presente no País desde 2009. Com os cenários positivos da economia brasileira, decidiu apertar o passo para acompanhar o expressivo desenvolvimento previsto com a introdução do Inovar-Auto, programa que regulamenta a atuação das montadoras e autopeças.
 
“Os investimentos na indústria automobilística, projetados em mais de R$ 60 bilhões, vão exigir forte contrapartida na área de engenharia, exigindo a contribuição de pessoal especializado”, aposta o italiano Dante Vaghi, diretor geral para a operação brasileira, que tem sede em Curitiba (PR) e escritórios em São Paulo e Belo Horizonte (MG). 
 
A LD, também conhecida como Line Design, atua com soluções para engenharia nos segmentos automotivo, aeronáutico, naval, ferroviária, linha branca, indústria de transformação e mineração. “Há oportunidades em todos esses segmentos, mas temos dedicado atenção especial ao automotivo”, revela o executivo. 
 
A decisão de aportar no Paraná deveu-se à proximidade com o primeiro cliente, a CNH, empresa do Grupo Fiat que atua no segmento de máquinas agrícolas e de construção. Vieram depois clientes no segmento de OEM e autopeças, motivando a representação em solo paulista e mineiro. 
 
O propósito de Vaghi é oferecer o que ele chama de soluções práticas e inteligentes capazes de oferecer padrões de qualidade e confiabilidade para assegurar níveis elevados de competititividade. A empresa está pronta para dar suporte à fase de design, factibilidade, engenharia de processo, desenvolvimento de projetos, juntamente com serviços mais específicos na área de qualidade, ferramentas, dispositivos e logística. 
 
Há duas frentes principais de trabalho: body rental e projetos turn key. No primeiro caso, a empresa opera como terceirizadora de profissionais especializados, alocando pessoal experiente, pronto para integração ao time do cliente. “Essa atividade traz como vantagem para as empresas o reforço das equipes de engenharia em tarefas especiais e também o acesso ao conhecimento que temos em nosso acervo local e internacional, reduzindo custos trabalhistas”, explica Vaghi. 
 
Projeto Conceitual
“Nosso propósito é reduzir a atuação em body rental, que hoje corresponde a 70% do faturamento, para 30%. Queremos ficar mais próximos dos trabalhos conceituais e de engenharia de desenvolvimento”, afirma Thiago Reis, diretor comercial da LD. “Já apresentamos nossas credenciais a praticamente todas as montadoras locais e para um bom número de sistemistas”, informa. Ao lado das encomendas feitas por montadoras, entre as quais Volkswagen, Fiat, Iveco e Mitsubishi, a empresa desenvolveu motos para a Dafra (motos) e Sila (autopeças). 
 
No caso de projetos turn key a LD pode apresentar soluções em todas as etapas, incluindo a participação direta de profissionais para consultoria e condução das tarefas de desenvolvimento na medida requerida pelo cliente. “A proposta aqui é abreviar o tempo de trabalho em soluções conceituais e acelerar o projeto e implantação das soluções mais adequadas. Assim, otimizamos as tarefas, com redução de custos e maior segurança nas respostas.” 
 
Centro de Estilo
Vaghi está empenhado em estruturar um centro de estilo, viabilizar a construção de um túnel de vento e implantar um sistema de escritórios satélites para atender isoladamente os cliente nas instalações da própria LD. “Dessa forma, garantimos total confidencialidade nos trabalhos”, diz. 
 
Com um horizonte de serviços amplo, a LD destaca-se em engenharia metalmecânica e packaging, com o desenvolvimento de embalagem para componentes automotivos. O início de operações em Belo Horizonte permite atender clientes como Fiat e Iveco e prospectar a cadeia de suprimentos da região. A partir de São Paulo o objetivo é prestar serviços para a Volkswagen, General Motors, Toyota, Mercedes, Scania e outras montadoras, incluindo as newcomers. 
 
Uma das especialidades da empresa é a criação do ferramental necessário para a produção de componentes. “Esse desenvolvimento deve ser feito juntamente com o projeto das peças e passar pela análise de manufaturabilidade”, informa Reis.
 
Por Paulo Ricardo Braga/ Automotive Business



Comentários