PUC do Rio Grande do Sul produzirá bidiesel a partir de óleo de fritura

Fonte: ECopress com informações da assessoria - 05/06/07

A PUCRS firmou convênio com a Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Smam), na manhã da última sexta-feira (01), para produção de biodiesel, feito a partir de óleo de fritura usado. A assinatura ocorreu na Faculdade de Química da Universidade, localizada no prédio 12 do Campus Central (avenida Ipiranga, 6681 " Porto Alegre). Estiveram presentes o secretário de meio ambiente de Porto Alegre, Beto Moesch, a diretora da Faculdade de Química, Sandra Einloft, entre outros. Moesch destacou a importância da parceria: "Um litro de fritura é capaz de contaminar um milhão de litros de água. Com este projeto estamos retirando o passivo e transformando em matéria-prima. São duas instituições gaúchas mostrando ao mundo que é possível reduzir a poluição".

O sistema utilizado na produção é capaz de gerar cinco litros do combustível por hora. O óleo de fritura, que servirá como matéria-prima, é recolhido dos restaurantes da PUCRS. A produção do biodiesel ficará sob responsabilidade de estudantes-bolsistas da Universidade, fomentados pela Smam. Por enquanto, o combustível abastecerá a frota de carros e caminhões que recolhem lixo nas praças e parques da Capital. No futuro, a intenção é que o projeto se estenda a toda frota de veículos da Secretaria.

Após a assinatura do acordo foi realizada uma demonstração dos resultados do trabalho, utilizando o combustível produzido em um dos veículos da Smam. O biodiesel é biodegradável e não tóxico, o que o torna mais seguro do que o diesel de petróleo. O seu uso também contribui para a diminuição do efeito estufa. .



Comentários