Manitowoc fecha acordo com fabricante de cilindros hidráulicos do RS

Soprano firmou contrato de dois anos com a empresa norteamericana

 

A primeira planta na América Latina da fabricantes de guindastes Manitowoc iniciou suas atividades em no mês passado na cidade de Passo Fundo (RS). E as novas instalações já refletiram nos negócios de fabricantes da região. A divisão hidráulica da Soprano acaba de fechar um contato de dois anos com companhia norteamericana.
 
A Soprano Hidráulica, empresa localizada na cidade de Caxias do Sul, vai passar a ser a fornecedora exclusiva de cilindros para a linha de guindastes RT (rough terrain, na sigla em inglês). O modelo é o foco da produção neste primeiro primeiro ano no Brasil e é destinado ao uso em terrenos acidentados e em grandes obras como hidrelétricas, estaleiros e refinarias. A previsão é para que até o fim de 2012 sejam  produzidas 44 unidades. Cada uma custa até R$ 1,6 milhão e no ano passado a empresa vendeu 140 delas em todas as regiões do país.O contrato
 
O contrato com a Soprano entra em vigor a partir do mês de maio e estabelece uma parceria de pelo menos dois anos, além do suporte técnico pelo tempo de durabilidade dos produtos da empresa norte-americana. A parceria atende aos objetivos da fabricante de guindastes em aumentar de 30% para 70% as peças adquiridas no Brasil em três anos. Conforme Gustavo Miotti, vice-presidente da Soprano, o desenvolvimento de um projeto inovador e a qualidade já reconhecida dos cilindros da empresa foi fundamental para atrair o novo cliente. “É uma grande conquista. Demonstramos nossa plena capacidade de responder às necessidades técnicas e industriais apresentadas pela Manitowoc”, afirmou. Os guindastes que receberão os produtos da Soprano possuem capacidade de carga de 60 a 90 toneladas e utilizam 12 cilindros na sua construção.
 
Com a parceria, a Soprano avança no processo de internacionalização, iniciado no final dos anos 90, a partir da implantação de escritórios de representação e centros de distribuição em praças internacionais. Além disso, a Soprano investirá em 2012, uma verba na ordem de mais de R$ 7 milhões, prevendo a expansão e modernização do parque fabril da Divisão Hidráulica. 
Tópicos:



Comentários