Empresas de software fazem primeiro contato com futuros clientes

As empresas especializadas em software já sabem: feira não é lugar de fechar negócios, feira é lugar para dar o primeiro passo em direção à novos clientes. Alguns estandes apresentam seus próprios produtos, como o da PTC, e outros, de revendas, mostram os lançamentos e novidades dos produtos que representam, como é o caso da IST e da SKA, ambas revendedoras Solidworks. O que todas as empresas têm em comum é a certeza de que nos próximos meses de pós-feira o trabalho será grande para dar continuidade nos primeiros contatos realizados. No caso da Feimafe, esse trabalho se torna ainda maior, por ser o principal evento do setor no ano, de proporção internacional.

Gabriel Diehl Fleig, gerente de marketing da SKA, explica que a empresa ainda vai participar de mais sete feiras em 2011, mas todas de abrangência regional em diversas partes do Brasil, sendo a Feimafe a única com alcance internacional. Os destaques da empresa para esta feira são o lançamento do QC Pro Viewer Mobile, visualizador do QC Pro para dispositivos móveis, como celular e tablet, e o software Pro Bend, para programação e simulação de processos de dobra de modelos em dobradeiras CNC. Este último aplicativo possui recursos como o cálculo automático de sequência de dobras e permite criar documentação com visualização de chão de fábrica. 

Além destes destaques, a SKA apresenta todo o seu portfólio, que traz aplicativos como o Edgecam 2011 R2, o software gratuito 2D Draftsight, o Lantek Manager, entre outros. No estande também são ministradas palestras de diversos temas, inclusive sobre o desenvolvimento de produtos de forma sustentável, seguindo a moda atual das empresas em mostrar que possuem consciência ambiental.

A IST, também focada em revenda Solidworks, está se expandindo para o restante do Brasil este ano. Com uma marca forte no estado de São Paulo, a empresa abriu recentemente escritórios em Goiás e Minas Gerais. A gerente de marketing Ana Paula Avanzi destaca a necessidade de conseguir visibilidade e para isso a importância de estar presente em um evento como a Feimafe. Segundo Avanzi, "os negócios aumentam em cerca 20% nos três meses seguintes à feira". Os destaques da IST são o Visualmmill e Elecworks e a integração entre softwares das áreas de engenharia mecânica, elétrica e manufatura. A empresa também está planejando treinamentos nas regiões para onde está crescendo.

Pela primeira vez na Feimafe, a PTC Brasil reafirma o valor do evento para o setor, por essa ser a única feira técnica de abrangência nacional, e até internacional, realizada no país. "Essa é a nossa feira", afirma Hélio Samora, diretor geral na América Latina, enfatizando o aspecto institucional de fortalecimento da marca. Com isso, o objetivo da empresa é reforçar sua presença na feira e no setor. Samora explica que o principal foco são os próprios expositores, pois esses são os clientes em potencial, já que a empresa vende, além de softwares, solução de gestão.

Os destaques da PTC são o lançamento da nova versão do Creo Pro (antigo Pro/Engineer), que une tecnologias de modelamento, paramétrico e direto, e o Windchill, software PLM (Product Lifecycle Management), para desenvolvimento de produtos. Eduardo Falcari, engenheiro de manutenções da PTC, explica que os atuais clientes visitam os estande para conhecer as novas versões desenvolvidas, enquanto os potenciais clientes buscam conhecer a empresa e saber o que ela oferece como diferencial.




Comentários