Volvo é considerado melhor lugar para trabalhar no PR

A Volvo, instalada na Cidade Industrial de Curitiba, foi escolhida como a melhor empresa para se trabalhar no Paraná. A empresa foi reconhecida pelos próprios funcionários, no estudo do instituto Great Place to Work (GPTW), como um lugar de trabalho ideal não apenas pelos benefícios concedidos, como também pelo ambiente, relações humanas e política de gestão de pessoas. A GPTW e a Gazeta do Povo premiaram as 20 primeiras colocadas na pesquisa.

É a primeira vez que o estudo com o ranking das empresas paranaenses é publicado. A revista As 20 melhores empresas para trabalhar no Paraná trouxe matérias com o perfil das 20 organizações e reportagens especiais de interesse para o mundo dos negócios, com foco especial em gestão de pessoas.

Entre os assuntos abordados estão os novos parâmetros para contratação de executivos, como construir um bom networking, as tendências para o futuro do mercado de trabalho, e uma reportagem que explica a metodologia da pesquisa do Great Place to Work.

Ganhos reais
Entre as melhores empresas paranaenses para trabalhar aparecem indústrias, prestadoras de serviços e companhias dos mais diversos setores. Há organizações com mais de 5 mil funcionários no estado, como a GVT, e escritórios com cerca de 100 colaboradores.

A variedade mostra que para implantar e manter boas políticas de recursos humanos não importa o tamanho, a localização nem a área em que a empresa atua. Os perfis revelam, também, que o esforço em gerar qualidade de vida traz ganhos reais de rentabilidade e produtividade. O retorno é positivo para empregadores, colaboradores e clientes dessas empresas.

O instituto Great Place to Work faz o estudo de melhores empresas para trabalhar há 13 anos, em 45 países. No Brasil, a pesquisa nacional é publicada na revista Época. A edição paranaense passa a sair pela Gazeta do Povo.

Volvo
A Volvo, cuja sede fica na Suécia, se instalou na capital paranaense há 33 anos. As quatro unidades de produção da fábrica produzem cabines, motores, caminhões e chassis de ônibus e respondem por um quinto do total dos caminhões pesados comercializados no mercado nacional. Muitos dos ônibus articulados e  biarticulados que rodam nos principais sistemas de transporte coletivo urbano da América do Sul sai dessa fábrica.

Tópicos:



Comentários