Programa de empreendedores do Brasil

Fonte:  Agência Sebrae - 07/05/07

O Programa Empreender, desenvolvido pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil (CACB), passará a apoiar micro e pequenas empresas de seis outros países a partir deste mês. Nesta segunda-feira (7), durante evento na Associação Comercial de São Paulo, instituições apoiadoras de micro e pequenas empresas na África do Sul, Colômbia, Chile, El Salvador, México e Moçambique assinam os termos de adesão ao programa.

Amanhã (8), doze consultores dos seis países iniciarão um curso de capacitação no Empreender Internacional em Jaraguá do Sul, Santa Catarina, com duração de 15 dias. O objetivo é prepará-los para a implantação do programa em seus respectivos países. A assinatura dos termos de adesão de instituições dos seis países marcará a internacionalização da experiência e conhecimento do Sebrae e parceiros no cenário internacional.

"O Empreender Internacional vai contribuir para a maior aproximação das micro e pequenas empresas desses seis países com as congêneres brasileiras", afirma Ricardo Villela, coordenador nacional da Carteira de Projetos de Comércio Varejista do Sebrae Nacional. Essa aproximação poderá, inclusive, gerar negócios e riquezas para as empresas brasileiras e estrangeiras, segundo o coordenador.

O Empreender

O objetivo do Empreender é incentivar o trabalho conjunto entre empresários de mesmo ramo produtivo. Por meio de núcleos setoriais, o programa valoriza o aspecto associativo entre empresários. Empresas de um mesmo setor ou segmento são reunidas nesses núcleos, facilitando a busca de soluções para problemas comuns, que dificilmente seriam resolvidos individualmente pelos empresários.

A internacionalização do Empreender é decorrente de proposta ocorrida durante evento realizado na África do Sul, em 2005, quando associações comerciais de mais de 60 países estavam presentes. O programa brasileiro foi apresentado por representantes da CACB e foi considerado uma das melhores iniciativas de apoio a pequenos negócios no mundo. Nessa ocasião, vários países demandaram informações e transferência de conhecimento sobre o programa brasileiro à CACB e ao Sebrae.



Comentários