Novo equipamento avalia superfícies brunidas

Foto: Divulgação

Um equipamento inédito, denominado de Brunitest, foi desenvolvido no Brasil pela empresa catarinense Photonita. O equipamento avalia a qualidade de superfícies brunidas - que passam pelo de acabamento de abrasão - na indústria automotiva. O produto obedece aos novos patamares para a emissão de poluentes exigidos por portarias do Programa de Controle da Poluição do Ar, do Conselho Nacional de Meio Ambiente.

A Photonita, empresa de Metrologia Óptica de Florianópolis, criou o produto com foco no controle da qualidade dos ângulos de cruzamento nas áreas internas de cilindros para combustão, bombas, compressores e componentes hidráulicos. Esses ângulos estão diretamente relacionados à lubrificação do motor, o que garante redução no consumo de óleo e na poluição, menor ruído e maior durabilidade do motor.

O equipamento pode ser utilizado na linha de produção, em laboratórios e na engenharia experimental, avaliação e desenvolvimento de novos produtos. O Brunitest já foi comercializado para grandes montadoras brasileiras como Fiat, GM, Ford e Mercedes Benz.

Para a Photonita, o seu diferencial é o atendimento especializado da equipe. Todas as análises de medição em campo e o suporte às indústrias são oferecidos por doutores e engenheiros, sócios da empresa, que se deslocam às frentes de trabalho e garantem alta precisão nas análises e nos treinamentos prestados aos clientes.

Tópicos:



Comentários