Governo apela a empresas por doação de alimentos

Foto: Divulgação

O governo brasileiro fará um apelo para que empresas doem ao Haiti água e sete tipos de alimentos que possam ser consumidos de forma imediata e embalados para embarque. Em uma reunião de 3h30 de duração, o comitê de crise, criado para tratar da ajuda ao Haiti e coordenado pelo Gabinete Segurança Institucional (GSI), definiu que a ajuda humanitária será a tarefa primordial neste momento em que o envio de equipes de resgate já se faz menos necessário.

Segundo o embaixador Antonio Simões, subsecretário de Assuntos de América do Sul do Itamaraty, o comitê de crise discute a possibilidade de montar uma campanha nacional de doações de alimentos e de roupas.

Mas, por enquanto, prefere trabalhar com as empresas brasileiras, que teriam condições de doar alimentos ? leite longa vida, achocolatado, biscoito, barra de cereais, fruta desidratada, enlatados e embutidos - já embalados de forma adequada para o embarque e a distribuição. A central de coleta é a sede da Defesa Civil no Rio de Janeiro.

 




Comentários