Instituto Fraunhofer ganha sede em São Paulo


A cidade de São Paulo recebeu o primeiro escritório na América Latina da Fraunhofer-Gesellschaft, instituição alemã voltada à pesquisa aplicada.

O escritório abrigará três unidades da organização: o Instituto de Ensaios Não-Destrutivos, o Instituto de Confiabilidade e Microintegração e o Instituto de Engenharia de Interface e Biotecnologia.

A instalação no país foi fruto da parceria entre o Fraunhofer-Gesellschaft e o Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT), firmada em março durante a visita da ministra alemã da Educação e Pesquisa, Annette Schavan, e concretizada no início de novembro.

O escritório está fazendo um levantamento de projetos técnicos de mútuo interesse e de oportunidades de financiamento por meio de contatos com indústrias nacionais, segundo a responsável pela unidade, Cornelia Huelsz Müller.

Detentora de um orçamento de 1,5 bilhão de euros e com 17 mil funcionários distribuídos em suas mais de 80 unidades, a Fraunhofer-Gesellschaft é uma das principais organizações europeias voltadas à pesquisa aplicada.

Criada após a Segunda Guerra Mundial com o intuito de dar suporte científico e tecnológico à reconstrução da Alemanha, a organização conta hoje com unidades nos Estados Unidos, Oriente Médio, Ásia e em outros países da Europa. 




Comentários