Ebitda da Energias do Brasil aumenta 20%

Fonte: InfoMoney - 30/04/07

Na noite desta sexta-feira (27), a Energias do Brasil, holding do setor de energia elétrica, divulgou seus números relativos ao primeiro trimestre de 2007.

De um modo geral, os números apresentados pela companhia ficaram acima do registrado no mesmo período do ano passado, com destaque para o crescimento de 20% do Ebitda (geração operacional de caixa).

Segundo comunicado da elétrica, o incremento reflete "a maior contribuição da área de geração aos resultados da companhia, com a duplicação da capacidade instalada durante 2006, assim como o crescimento do mercado de energia elétrica e maior eficiência operacional".

Confira os números do 1º trimestre:

(em R$ milhões) 1T07 1T06 Variação
Receita Líquida 1.114,1 986,2 +13,0%
Ebitda* 338,6 281,9 +20,1%
Lucro Líquido 127,9 99,3 +28,8%
*Lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização

Destaques
Durante os três primeiros meses de 2007, o volume de energia distribuída foi de 6.143 GWh, 3,0% maior do que o volume registrado no mesmo intervalo de 2006, com destaque para a recuperação do mercado no Mato Grosso do Sul.

O volume de energia produzida foi de 1.469 GWh, 103,9% superior ao mesmo trimestre do ano anterior, refletindo a plena capacidade dos três conjuntos geradores da UHE Peixe Angical ("Peixe Angical") que totalizam 452 MW de capacidade instalada e o início de funcionamento da quarta máquina da UHE Mascarenhas, que adicionou 50 MW de capacidade instalada a partir de outubro do ano anterior.

Ações fecharam em alta
Com o mercado à espera do resultado, as ações ordinárias da Energias do Brasil fecharam em alta de 4,36%, cotadas a R$ 32,25 nesta sexta-feira.




Comentários