Feira do setor automotivo, Automec, traz 900 expositores

Foto: Divulgação

Em momento de bons negócios para o setor de reposição, os organizadores da Automec reuniram cerca de 900 expositores e marcas de trinta países na feira que se estende de 14 a 18 de abril. São esperados 60 mil visitantes de 75 países.

Os estandes somam 25 mil m2 e garantem à feira a reputação de ser a maior iniciativa dirigida para o segmento de aftermarket e reparação da América Latina, mesmo não figurando na lista de expositores marcas expressivas como Delphi, Dana, FPT Powertrain, Visteon, Magneti Marelli, TRW e ZF.

Há pavilhões especialmente montados para representantes da Argentina, China, Espanha, França, Itália, Singapura e Taiwan e 130 novos expositores em relação à última edição, muitos dos quais asiáticos.

Priscila Dal Poggetto, do website Globo.com, escreve que o primeiro dia do evento foi marcado por um público tímido, que voltou para casa sem a surpresa de grandes lançamentos. Há poucas exceções, como o pára-brisa antiembaçante para ônibus da Saint-Gobain Sekurit.

A jornalista registra também o lançamento da Certificação Ambiental pelo Instituto da Qualidade Automotive e o Cesvi Brasil - o selo verde atesta que as oficinas e centros de reparação possuem processos ambientalmente sustentáveis e contam com procedimentos de descarte e reparos adequados.

“Neste momento especial da economia a Automec ganha importância para desenvolver negócios, estimular redes de relacionamentos e divulgar novidades em produtos e tecnologias” - enfatiza Evaristo Nascimento, diretor da feira. Ao lado de novidades para o setor de autopeças o evento apresenta atrações simultâneas como workshops e oficinas de inspeção veicular para demonstração de equipamentos e técnicas de inspeção.

No estacionamento do Anhembi há um pit stop de avaliação veicular para checagem de vários itens de segurança, emissões de poluentes e também de componentes que podem afetar o bom funcionamento do veículo.
Tópicos:



Comentários