Bosch apresenta nova linha de aquecimento solar

Foto: Divulgação

O sol é uma fonte de energia limpa, inesgotável, gratuita e ecologicamente correta. Seguindo a estratégia de investimento em tecnologias limpas, a Robert Bosch apresentou na Feicon 2009 sua nova linha de aquecimento solar Buderus - conhecida mundialmente por oferecer soluções completas, integradas e com as maiores taxas de eficiência térmica do mercado.

A linha Buderus possui soluções que podem ser utilizadas em residências térreas, apartamentos, habitações multifamiliares, estabelecimentos comerciais e industriais, inclusive aplicações em processos industriais.

Segundo dados da ABRAVA (Associação Brasileira de Refrigeração, Ar Condicionado, Ventilação e Aquecimento), o custo de energia elétrica tem aumentado, em média, 40% acima da inflação no Brasil nos últimos anos e a tendência é subir ainda mais.  Além disso, o custo da infraestrutura elétrica de um chuveiro pode ser até o dobro do custo de um sistema de aquecimento central solar.

Outro dado importante, segundo a CPFL (Companhia Paulista de Força e Luz), é que um chuveiro elétrico representa de 25% a 35% da conta de luz nas residências. “Aproveitar a energia renovável do sol para aquecer a água é a melhor solução, principalmente no Brasil, onde a incidência solar é alta”, afirma a diretora da divisão Termotechnology da Robert Bosch, Emilia Cabral.

Graças ao design compacto, que ocupa o mínimo de espaço, à engenharia de desenvolvimento e à qualidade dos materiais utilizados na produção, o sistema possui baixo índice de perda térmica e transferência homogênea de calor.

Como funciona o sistema
O sistema Buderus é composto, basicamente, de coletor solar, reservatório térmico e controlador. O coletor, ou placa solar, deve estar posicionado em direção ao norte geográfico para captar o maior tempo de incidência de sol. O reservatório possui capacidade entre 300 e 1000 litros de água. O controlador é o gestor de todo o sistema. Ele controla o coletor quando tem sol ou liga o circuito de apoio a gás, sempre priorizando a energia térmica solar. Desta forma, mesmo em dias sem sol, é possível desfrutar de água quente.

As placas solares Buderus podem ser encontradas nos modelos Comfort SKE 2.0, Excellence SKN 3.0 e Top SKS 4.0 e integradas à arquitetura de diversas maneiras e, dentre as mais comuns, estão: em telhados inclinados, embutidas entre as telhas e em lajes planas.

Leia mais sobre a Bosch aqui.



Comentários