Volkswagen investe em energia visando a sustentabilidade

Foto: Divulgação

A jornalista Marli Olmos informa no Valor do dia 12 de março que por meio de um investimento de R$ 50 milhões a Volkswagen detém 40% do capital social da Central Elétrica Anhanguera, cuja construção teve início no Rio Sapucaí, entre os municípios de Guará e São Joaquim da Barra, na região noroeste de São Paulo.

A iniciativa foi anunciada pelo presidente da montadora, Thomas Schmall, que explicou o interesse no investimento devido a três motivos: as perspectivas de falta de energia no futuro, a possibilidade de geração de créditos de carbono e, do lado ambiental, a oportunidade de investir em energia limpa e renovável.

A potência da nova central será de 22,68 MWh, o equivalente a 18% do consumo anual das quatro fábricas que a Volkswagen possui no Brasil. A empresa gasta 500 mil MW por ano. A potência total da nova PCH equivale a um terço do que é utilizado pela maior fábrica da montadora no país. O investimento total no empreendimento será de R$ 100 milhões. O restante dos recursos caberá à Sociedade de Energia Bandeirantes, dona de 33% do capital, e à Pleuston Serviços, com os 27% restantes.




Tópicos:
  



Comentários