OSG vai criar Centro de Pesquisa

Fonte: Roberta Ávila com informações da OSG

O OSG está construindo um novo prédio em Bragança Paulista, para onde será transferido todo seu Departamento Comercial. Nesse novo prédio a OSG vai criar um Centro Avançado de Pesquisa, Tecnologia e Aplicação, onde serão realizados testes de ferramentas e desenvolvimentos de novos produtos.

Além disso a empresa está construindo um novo galpão em sua fábrica de Bragança Paulista, que será utilizado para a fabricação de ferramentas de alta qualidade. O prédio será totalmente climatizado, o que garante mais precisão na fabricação das ferramentas, pois a variação de temperatura faz com que a matéria prima sofra variações de medidas.

A OSG é líder no mercado global em fabricação e vendas de rosqueamento (machos) que ultrapassa US$ 300 milhões anuais em negócios. No Brasil a empresa é responsável por 60% das vendas de ferramentas de corte rotativas.

Em meados do ano passado a OSG adquiriu 19,18% do capital da Tungaloy, fabricante de insertos para torneamento, mandrilamento, fresamento e furação. Este segmento não era fabricado pela OSG, que ao expandir sua linha de produtos passou a oferecer pacotes de ferramentas para todos os processos de usinagem seus clientes, que são montadoras de veículos, a indústria aeronáutica, empresas de auto peças, indústrias metal-mecânicas, fundições e etc.

Apesar do mercado brasileiro de ferramentas ser altamente influenciado pelo desempenho do setor automobilístico, o setor está em alta, e as previsões da OSG são de que seu faturamento, que nos últimos 4 anos cresce em média 18% ao ano, passe a crescer a 35% ao ano após a fusão com a Tungaloy.
Tópicos:
  



Comentários