Emprego formal chega a 2 milhões no ano e bate recorde

Fonte: Folha Online - 15/10/08

O aumento do emprego com carteira assinada bateu novos recordes em setembro deste ano. Foram geradas 282.841 vagas no mês passado, o melhor resultado para meses de setembro.

Com isso, o emprego formal alcançou o número inédito de 2,086 milhões de vagas em nove meses, um aumento de 7,2% em relação ao mesmo período de 2007. O recorde anterior era de 2004 (1,666 milhão). O governo informou que nunca havia alcançado o número de 2 milhões empregos em um único ano.

Os dados fazem parte do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), do Ministério do Trabalho, e representam a diferença entre contratações e demissões no período.

Também foi recorde a criação de 2,096 milhões de vagas em 12 meses. O ministro do Trabalho, Carlos Lupi, prevê a criação de 2,1 milhões de vagas neste ano.

No ano, o maior número de contratações foi registrado no setor de serviços (670 mil), seguido pela indústria (524 mil), construção civil (301 mil), agricultura (241 mil) e comércio (264 mil).

Por região, destaca-se o Sudeste, com a geração de 1,263 milhão de vagas de janeiro a setembro. Somente em São Paulo, foram 344,5 mil vagas em 2008.

As outras regiões tiveram os seguintes resultados: Sul (345 mil), Centro-Oeste (183 mil), Nordeste (228 mil) e Norte (67 mil).

Em setembro, a exceção por setores foi a agricultura, que perdeu cerca de 25,3 mil vagas, devido à entressafra.
 



Comentários