Investimentos da Nardini buscam o desenvolvimento sustentável


O desafio de alcançar a eficiência produtiva respeitando o meio ambiente levou a Nardini, empresa especializada no segmento de máquinas-ferramenta, a tomar uma série de medidas que buscam o desenvolvimento sustentável.

No setor de fundição, foram investidos US$ 3,5 milhões para instalação de um Forno de Indução (elétrico) que possibilitou a redução de 100% dos efluentes gasosos gerados pelos fornos antigos, tipo Cubilo, operados com materiais combustíveis e altamente poluentes como carvão coque ou vegetal. Também foi implantado um sistema de captação e tiragem no Forno de Indução, que garante a total eliminação de qualquer emissão de efluente gasoso, o que demandou um investimento de mais US$ 300 mil.

Outros US$ 3 milhões foram destinados ao sistema de recuperação da areia utilizada na fundição. O pátio de estoque foi readequado e o processo passou a ser isolado, de modo que, atualmente, 100% da areia utilizada é recuperada, evitando o descarte da mesma.

O processo também foi equipado com sistema de captação que custou US$ 500 mil, para eliminação dos efluentes particulados gerados na recuperação da areia.

Como resultado de todo investimento e reestruturação, a Fundição da Nardini foi certificada com o ISO 9000, outorgado pelo Bureau Veritas Certification em março de 2008.
Tópicos:



Comentários