Biomassa é usada na geração termelétrica

Fonte: Canal Energia - 02/04/2007

A biomassa foi a principal fonte energética da geração termelétrica do país no ano passado. Segundo dados preliminares do Balanço Energético Nacional 2007 - ano base 2006 -, divulgados nesta quinta-feira, 29 de março, a biomassa representou 27,8% de toda a produção de energia das usinas térmicas do país no ano passado. Em seguida, veio o gás natural, com 25,9%, e a energia nuclear, com 15,9% de participação. No mix termelétrico, a geração por derivados de petróleo ficou com 16,2% de participação, enquanto o carvão mineral teve percentual de 10,5%.

"Até eu me surpreendi com esse resultado. Esperávamos um aumento, mas não dessa magnitude", afirmou o presidente da Empresa de Pesquisa Energética, Mauricio Tolmasquim. Ele destacou que a geração termelétrica registrou aumento de 7,4% na oferta interna de energia elétrica no país, o que elevou a participação no total de eletricidade gerada de 14,8% em 2005 para 15,2% em 2006.

O ano passado, considerou Tolmasquim, foi "o ano da cana-de-açúcar", que vive um momento de mercado aquecido em função da produção de etanol. Os "produtos da cana-de-açúcar" - açúcar, álcool, eletricidade (bagaço) e calor - apresentaram crescimento de 9,7% na oferta interna. O BEN 2007 detectou a elevação de 12% na produção de cana-de-açúcar no ano passado em relação ao anterior, e de 7,5% na área plantada, além da expansão de 50% no volume de etanol exportado.

Nesse sentido, o insumo apresentou participação de 14,4% na oferta interna de energia total do país, quase equivalente à energia hidráulica, que fechou o ano passado com percentual de 14,6%. Outro crescimento da fonte foi verificado na participação na oferta interna de energia renovável, que ficou em 32,4% em 2006, contra 31% em 2005.



Comentários