Peugeot e Mitsubishi anunciam cooperação em sistemas de tração elétrica


A PSA Peugeot Citroën e a Mitsubishi Motors Corporation (MMC) anunciaram hoje o estudo de viabilidade de uma cooperação técnica na área de sistemas de tração elétrica (motores e outros componentes do trem de força de veículos elétricos).

Esse projeto, que vai ter duração de vários meses, abrangerá o desenvolvimento, a fabricação e a utilização de sistemas de tração elétrica para pequenos veículos urbanos.

Para aumentar a viabilidade dos projetos de veículos elétricos e acelerar sua introdução no mercado, as duas montadoras consideram que a cooperação para o desenvolvimento e a produção de veículos elétricos será benéfica para ambas.

Esse novo acordo reforça a relação entre as duas montadoras, que há alguns dias assentaram a pedra fundamental de sua fábrica conjunta na Rússia, em Kaluga (a 180 quilômetros ao sudoeste de Moscou).

Para a PSA Peugeot Citroën, o acordo se insere em seu plano estratégico e ambição 2010-2015, que deverá posicionar a montadora como líder do carro ecológico. Graças à sua experiência única com carros elétricos, dos quais é o maior fabricante mundial, com 10.000 unidades, a PSA Peugeot Citroën contribuirá para esse projeto com sua experiência em correntes de tração elétricas.

Para a MMC, esse acordo está em conformidade com sua estratégia de veículos elétricos. A MMC, cujo objetivo é tornar-se um dos principais fabricantes de veículos elétricos, priorizou o desenvolvimento de sua nova geração de veículos elétricos I MiEV*. A MMC lançará esse veículo no mercado japonês em 2009 e estuda a possibilidade de comercializá-lo na Europa e nos Estados Unidos.

A MMC criou a Lithium Energy Japan, uma sociedade conjunta em parceria com a GS Yuasa e a Mitsubishi Corporation, que deve fornecer baterias Lítio-íon de forte capacidade e alto desempenho para o veículo I MiEV. As etapas para atingir a produção em grande série das baterias prosseguem sem dificuldades.

*Mitsubishi innovative Electric Vehicle, baseado no modelo "I".



Comentários