Curso ensina por que e como patentear produtos


Tema pode atender interesses de empresários e de profissionais como engenheiros, advogados e administradores de empresa.


Patentear um produto é uma forma de proteger quem o desenvolveu da ação de competidores desleais. Ao mesmo tempo, os instrumentos de proteção de direitos industriais podem auxiliar as empresas a aumentar sua capacidade de inovação e a se tornarem mais competitivas.

Apesar dessas virtudes da propriedade industrial, é grande, no Brasil, a falta de conhecimento sobre os seus benefícios, com conseqüentes prejuízos para as empresas e para o país.

Com o objetivo de ajudar a alterar esse quadro, a Anpei (Associação Nacional de Pesquisa e Desenvolvimento das Empresas Inovadoras) vai oferecer nos dias 24 e 25 de Abril, em São Paulo, o curso Básico de Pedido de Patente e Registro de Desenho Industrial, que será ministrado por profissionais do Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI). Os participantes receberão informações gerais sobre patentes (sistemas nacional e internacional, classificação, metodologias de busca, depósito, etc) e os procedimentos necessários para se requisitar a patente de um produto e o registro de um desenho industrial.

O curso se destina as pessias de formação técnica e também superior, como engenheiros, advogados, economistas, administradores de empresas, assistentes administrativos, pesquisadores e professores. É útil também para empresários, uma vez que um dos objetivos é mostrar a atividade inventiva como fonte de informação e planejamento tecnológico.

Tanto no dia 24 como no dia 25 as aulas terão início às 9h e encerramento às 18h. Serão ministradas no hotel Mercure Apartaments Executive One, à Rua Santa Justina, 210, Vila Olímpia, São Paulo, SP.

Mais informações e inscrições no site ou pelo telefone (11) 3842-3533.
Tópicos:



Comentários